Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Miami vai aumentar preços dos ingressos para próxima temporada

Por causa da possível greve de jogadores, o Heat fez alguma mudanças sobre os planos de tíquetes para o próximo campeonato

iG São Paulo |

O Miami Heat vai aumentar o preço dos ingressos para a próxima temporada. Além disso, a franquia vai ter que fazer algumas mudanças no caso de uma greve de jogadores realmente acontecer.

Atletas e proprietários da NBA ainda discutem o novo acordo salarial. O atual expira no meio deste ano e até o momento as negociações não têm ido bem.

“A gente sempre espera o melhor”, disse o presidente de operações de negócios do Heat, Eric Woolworth. “No entanto, é do interesse de todo mundo estar preparado para a possibilidade das coisas não irem bem”.

AP
Assistir os astros do Miami vai custar mais caro
O aumento, porém, deve ser mínimo, segundo Woolworth. Em alguns casos o valor não chegará a subir US$ 10,00 -- cerca de R$ 17,00. A mudança no preço também vai ser influenciada por vários fatores, como os lugares e o tempo que o torcedor é sócio do plano de ingressos para a temporada.

É um momento complicado tanto para o Heat como para os outros times da NBA, já que é imprevisível, por enquanto, quantos ou até se vão ser realizados jogos na próxima temporada.

Uma das opções para o Miami é devolver 5% a mais do que o valor pago pelo torcedor baseado em uma taxa mensal, caso algum jogo da pré-temporada ou da temporada regular não acontecer.

“Detentores de ingressos para a temporada do Heat indicaram que descontos nos playoffs e pagamento de juros em jogos não realizados são os dois principais fatores para renovação e é nisso que baseamos nossa campanha”, disse Woolworth. “Se qualquer partida não for realizada, os torcedores que assinarem esta cláusula do contrato vão receber o reembolso e mais um pequeno juro com uma base mensal para todos os jogos perdidos”

Neste campeonato, o Miami deu aos seus torcedores detentores de ingressos para temporada a possibilidade de manter o valor pago na anterior. Por causa da contratação dos astros Chris Bosh e LeBron James, que se juntaram Dwyane Wade, que já estava na franquia e teve seu contrato renovado, era possível prever que os ingressos iriam inflacionar.

 

Leia tudo sobre: Miami HeatNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG