Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Miami dá o troco e vence San Antonio por 30 pontos de diferença

Com boa atuação da defesa, Heat ganha com facilidade e se vinga da derrota sofrida na casa do rival há exatos dez dias

iG São Paulo |

O Miami Heat massacrou o time de melhor campanha da temporada. Jogando dentro de casa, o time da Flórida superou o San Antonio Spurs por 110 a 80 e somou a terceira vitória consecutiva.

Com o resultado, o Miami devolve o revés que sofreu diante dos texanos no primeiro encontro entre as equipes na temporada. Há exatos dez dias, no confronto realizado em San Antonio, o Heat foi batido por 125 a 95.

Com 30 pontos e 12 rebotes, o ala-pivô Chris Bosh foi o grande condutor do atropelamento do Miami sobre o rival. Os outros dois astros da equipe também tiveram atuação de destaque: o ala-armador Dwyane Wade teve 29 pontos e nove rebotes, enquanto o ala LeBron James somou 21 pontos, oito assistências e seis rebotes.

O principal anotador do San Antonio foi o armador Tony Parker. O francês marcou 18 pontos e ainda deu cinco assistências. O ala-armador argentino Manu Ginobili apareceu com 12 pontos, seis rebotes e cinco assistências.

O grande trunfo do Miami no jogo foi a defesa, que limitou os visitantes a um aproveitamento de apenas 38,3% nos arremessos. Já o ataque acertou 53,8% dos seus chutes. Além disso, os locais dominaram nos rebotes: apanharam 47, contra somente 33 do rival.

Getty Images
Tony Parker tenta encontrar espaço na defesa do Miami para fazer o passe

Com propriedade de quem detém o melhor retrospecto da liga na temporada, o Spurs começou melhor e dava indícios de que assumiria o controle da partida. Após a cesta do veterano pivô Antonio McDyess com pouco menos de cinco minutos por jogar no primeiro quarto, vencia por 16 a 11.

No entanto, o Miami anotou 11 dos 14 últimos pontos do período inicial e passou à frente (22 a 19). O San Antonio seguiu com muita dificuldade para acertar suas jogadas ofensivas durante o quarto seguinte. Reflexo disso é o fato de ter acertado somente uma bola de longa distância das dez que arriscou na primeira metade. Desta forma, os mandantes conseguiram levar para o intervalo vantagem de dois dígitos (49 a 39).

De fato, esta não era a noite do Spurs. A equipe texana não conseguiu fazer com que a diferença no marcador voltasse a ficar em apenas um dígito em momento algum. E a situação ficou ainda pior no quarto período: completamente batido, o time visitante deu-se por vencido e teve uma queda de rendimento muito grande, sobretudo defensivamente.

Melhor para o Heat, que aproveitou-se do momento perturbado que o adversário passou nos 12 minutos derradeiros do confronto e estendeu sua superioridade para a casa das três dezenas.

Leia tudo sobre: miami heatnbasan antonio spurs

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG