Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Miami bate Cleveland em casa e estende jejum de vitórias do rival

Dwyane Wade e LeBron James brilham e Heat vence sem sustos. Cavaliers, por sua vez, soma agora 21 derrotas consecutivas

iG São Paulo |

O Miami Heat não teve qualquer dificuldade para passar pelo Cleveland Cavaliers nesta segunda-feira. Jogando dentro de casa, venceu por 117 a 90 e, de quebra, esticou o jejum de vitórias do adversário para 21 partidas.

O Cleveland, que possui apenas oito resultados positivos no campeonato, tornou-se o primeiro time da liga a atingir a marca das 40 derrotas na temporada. O último triunfo aconteceu há mais de um mês: foi no dia 18 de dezembro, quando bateu o New York Knicks por 109 a 102 dentro de casa.

Os dois jogadores do Miami que atuavam no Cavs até a temporada passada tiveram boa parcela de contribuição para a vitória do time da Flórida. O ala LeBron James marcou 24 pontos, deu oito assistências e pegou quatro rebotes. Já o pivô Zydrunas Ilgauskas fez um “double-double” ao somar 12 pontos e 14 rebotes.

Mas o grande comandante do Heat em quadra foi Dwyane Wade. O ala-armador foi o cestinha do confronto com 34 pontos, além de ainda ter apanhado sete rebotes, distribuído cinco assistências e roubado três bolas.

Reuters
Wade parte para a enterrada pelo Miami
O principal atleta do Cavs foi, mais uma vez, o ala Antawn Jamison, que teve 21 pontos e dez rebotes. Já o pivô J.J. Hickson anotou 14 pontos e coletou nove rebotes.

O Miami não esteve em desvantagem em nenhum momento da partida. Logo nos instantes iniciais, assumiu o controle do adversário e disparou no placar. Chegou a abrir 15 pontos no primeiro quarto (35 a 20), mas o Cavs foi melhor no período seguinte e conseguiu ir para o intervalo com desvantagem de apenas um dígito (66 a 57).

Os visitantes seguiram em bom momento no retorno dos vestiários e ficaram a apenas três pontos do empate (70 a 67) depois de uma cesta de Jamison, com pouco mais de três minutos jogados da segunda metade. Mas foi aí que LeBron apareceu e jogou um balde de água fria na reação do seu ex-time. O astro comandou uma corrida de 19 pontos a cinco do Heat no final do terceiro quarto.

Os visitantes acusaram o golpe. Com 17 pontos de liderança ao final de três quartos (89 a 72), o Miami não teve dificuldades para confirmar a vitória sobre um adversário completamente batido dentro de quadra.

O Cavs tem três partidas para voltar a vencer. Se isto não acontecer, somará 24 derrotas consecutivas e entrará para a história da NBA como o time com o maior número de tropeços consecutivos em uma única temporada.

Leia tudo sobre: cleveland cavaliersmiami heatnba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG