Comandados por Jonas Valanciunas, lituanos superam poloneses por 87 a 75 e estão entre as quatro melhores seleções da categoria

A Lituânia garantiu-se como primeira semifinalista do Mundial Sub 19 na manhã desta sexta-feira, ao derrotar a seleção polonesa por 87 a 75. A equipe, atual campeã europeia sub 18, vai enfrentar Rússia ou EUA por uma vaga na decisão da competição.

Jonas Valanciunas, pivô da seleção da Lituânia
FIBA / Divulgação
Jonas Valanciunas, pivô da seleção da Lituânia
Uma vez mais o pivô Jonas Valanciunas comandou o triunfo lituano com 26 pontos e 24 rebotes – recorde individual do torneio. O armador Vytenis Cizauskas, recuperado de contusão, contribuiu com 13 pontos, sete rebotes e seis assistências. Os alas-armadores Edgaras Ulanovas e Zygimantas Skucas anotaram 11 pontos cada.

Pelo lado polonês, o grande destaque foi o ala-armador Michal Michalak, que saiu de quadra com 29 pontos e 13 rebotes. O pivô Przemyslaw Karnowski fez 16 pontos e pegou cinco rebotes. Já o armador Grzegorz Grochowski acumulou 12 pontos, sete rebotes e seis assistências.

Lituanos e poloneses fizeram partida muito equilibrada na maior parte do primeiro período e nenhuma das equipes conseguiu abrir vantagem maior do que uma posse de bola durante os oito minutos iniciais. Para cada cesta de uma seleção, havia resposta imediata do oponente.

Nos dois minutos restantes, porém, a Lituânia quebrou esta dinâmica e começou a preparar sua vitória anotando nove dos últimos 11 pontos do quarto. Ao fim dos dez minutos inaugurais, os lituanos venciam por 22 a 15.

A seleção da Lituânia manteve a postura avassaladora e abriu o segundo período anotando os primeiros 13 pontos. Desta forma, elevou a diferença para a casa dos 20 pontos (35 a 15). O “choque” acordou os poloneses, que marcaram os oito pontos seguintes e pareciam ensaiar uma recuperação.

No entanto, com o retorno de Valanciunas para a quadra, a recuperação da Polônia parou e as seleções voltaram ao equilíbrio inicial. No intervalo, o marcador anotava 47 a 33 em favor dos lituanos.

O equilíbrio foi mantido no retorno dos vestiários e, aparentemente, a Lituânia caminhava para uma vitória sem problemas. No entanto, os poloneses emplacaram uma nova reação nos minutos finais do terceiro período e foram para o último quarto com a partida em aberto, perdendo por 64 a 57.

Diante de potencial perigo, os lituanos voltaram a mostrar seu melhor basquete dispostos a garantir a classificação de uma vez por todas. Com Valanciunas mais uma vez em quadra, anotaram 12 dos primeiros 15 pontos do quarto e abriram 76 a 60.

Os poloneses tentariam uma nova aproximação, mas já era tarde demais e o oponente precisou apenas esperar o cronômetro zerar para poder comemorar seu quinto e mais importante triunfo na competição até o momento. Para a Polônia, resta a consolação de disputar da quinta à oitava posições do torneio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.