Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Lesionado, Fúlvio segue desfalcando São José no NBB

Armador ainda se recupera de um estiramento na panturrilha esquerda e deverá ficar de fora dos dois próximos jogos da equipe

iG São Paulo |

São José perdeu todas as partidas que realizou no segundo turno do NBB. As derrotas para Brasília, Uberlândia e Joinville têm um ponto comum: a ausência de Fúlvio de Assis. Ainda em fase de recuperação de um estiramento na panturrilha esquerda, o armador deverá seguir fora de combate nos compromissos diante de Araraquara (sexta-feira) e Franca (domingo).

Com oito vitórias em 16 partidas, São José ostenta a nona posição da tabela. A campanha poderia ser bem melhor se a equipe pudesse contar mais vezes com Fúlvio: nas cinco partidas em que o armador não jogou, foram quatro derrotas.

Fúlvio acredita que os companheiros podem conquistar vitórias nos dois próximos jogos mesmo sem ele. No entanto, reconheceu que as coisas tendem a ser mais difíceis para um time que atua desfalcado do seu armador principal.

“Temos um plantel excelente”, avaliou Fúlvio. “Tem o Alexandre, armador que veio esse ano, e o Matheus, que já fez essa função de me substituir outras vezes. Mas é claro que quando você faz um planejamento no começo do ano, você não espera que seu armador principal vá se machucar. É normal que os jogadores acabem se acostumando com o armador. Costumo jogar bem de dupla e uso bastante os pivôs, a equipe acaba se acostumando. Mas temos um plantel forte, que já provou que pode conseguir bons resultados mesmo com algumas ausências”.

A eminente ausência do camisa 11 para as rodadas deste final de semana é lamentada por Régis Marrelli, técnico do time do Vale do Paraíba.

“Ele é o cara que organiza tudo, é a cabeça do time dentro de quadra”, afirmou Marrelli. “Ele faz uma falta muito grande. Leva tempo para se adaptar a jogar sem ele. Sempre dei essa moral pra ele fazer o time jogar, até pelas circunstâncias que ele tem. Ele já está há dois anos na equipe, é um cara fundamental, que você pode contar com sete ou oito assistências e dez a 15 pontos todo jogo”.

Nas 11 partidas que Fúlvio disputou no NBB, São José saiu de quadra vencedor em sete oportunidades. Suas médias na competição são de 11,1 pontos e 8,1 assistências por partida.

Leia tudo sobre: fúlviosão josénbb

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG