Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Leandrinho tem atuação apagada e Toronto perde para o New York

Brasileiro saiu do banco para anotar somente sete pontos na derrota do Raptors para o Knicks, que segue em boa fase

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882355665&_c_=MiGComponente_C

Uma cesta do armador Raymond Felton nos segundos finais garantiu a sexta vitória seguida do New York Knicks. Na noite desta quarta-feira, dentro de casa, a equipe bateu o Toronto Raptors por 113 a 110. Leandrinho Barbosa teve atuação apagada pela equipe canadense: foram apenas sete pontos, dois rebotes e duas assistências em exatos 25:34 minutos em quadra.

Não bastasse ter feito a cesta da vitória, Felton deixou a quadra com double-double ao somar 28 pontos e 11 assistências. O ala-pivô Amaré Stoudemire teve mais uma grande atuação e também foi bastante importante para o New York: fez 34 pontos e pegou 14 rebotes.

AP
Duelo de italianos: Andrea Bargnani encara a marcação de Danilo Gallinari

O cestinha do confronto, no entanto, saiu de quadra derrotado. Trata-se de Andrea Bargnani, que fez 41 pontos e ainda teve sete rebotes e seis assistências. Mas o esforço do pivô italiano não foi o suficiente para conter mais um revés do Toronto.

A partida foi marcada pelo equilíbrio entre as equipes. Prova disso foram as 15 mudanças de liderança no marcador durante o jogo, que ficou empatado em outras 20 oportunidades. O placar apontava igualdade em 84 pontos ao final do terceiro quarto.

O confronto seguia indefinido na medida em que se aproximava do seu desfecho. Eram raros os momentos em que um time conseguia abrir distância superior a uma posse de bola sobre o outro.

O Raptors perdia por três pontos a 28 segundos do fim. Foi quando Bargnani acertou um tiro de longa distância e voltou a igualar o placar. Mas a posse de bola seguinte era do Knicks, e Felton acertou uma bola de três a dois segundos do fim que colocou o time da casa em vantagem por 113 a 110. Bargnani bem que tentou empatar novamente no estouro do cronômetro, mas não teve sucesso.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG