Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Lakers domina no segundo tempo e vence Orlando dentro de casa

Time de Los Angeles sofre apenas 38 pontos nos dois últimos quartos, ganha de virada e se aproxima da vice-liderança do Oeste

iG São Paulo |

O Los Angeles Lakers recebeu a visita do Orlando Magic nesta segunda-feira e se deu bem. Depois de ficar em desvantagem no primeiro tempo (46 a 41), foi amplamente superior ao rival na segunda metade e venceu por 97 a 84.

Com o resultado, o Lakers chega a 48 vitórias e 20 derrotas na temporada (70,6% de aproveitamento). Está cada vez mais próximo da vice-liderança da Conferência Oeste, que ainda pertence ao Dallas Mavericks – com campanha de 47 vitórias e 19 derrotas (71,2% de desempenho).

Getty Images
Kobe Bryant em ação pelo Lakers
Lesionado no tornozelo, Kobe Bryant era dúvida antes do jogo. O craque do Lakers acabou participando da partida e anotou 16 pontos, tendo acertado apenas sete dos 19 arremessos que tentou. Pegou ainda cinco rebotes e distribuiu quatro assistências.

A dupla titular de garrafão foi o grande destaque do time da casa na partida. O ala-pivô Pau Gasol foi o cestinha do confronto com 23 pontos, além de ter somado cinco rebotes e cinco assistências. Já o pivô Andrew Bynum marcou dez pontos e apanhou impressionantes 18 rebotes.

O destaque do Orlando, mais uma vez, foi Dwight Howard. O pivô teve 22 pontos e 15 rebotes, mas foi responsável por nove dos 18 desperdícios de posse de bola cometidos pela sua equipe na partida. O armador Jameer Nelson apareceu com 13 pontos e oito assistências. O ala Ryan Anderson teve os mesmos 13 pontos e apanhou sete rebotes.

O excesso de erros ofensivos foi fator determinante para a derrota do Magic. Foram 18 no total, contra apenas três do Lakers. Os desperdícios ofuscaram a superioridade no índice de acerto de arremessos (47,1% e 43,8%) e nos rebotes (41 a 39).

O time da Flórida teve o controle das ações na primeira metade. Apesar de não ter disparado, manteve-se em vantagem o tempo todo. O ala Jason Richardson anotou oito dos seus 11 pontos no primeiro quarto e comandou a vitória parcial do Magic por 25 a 19.

A liderança dos visitantes atingiu o ápice com pouco menos de oito minutos para o intervalo. Foi quando uma bandeja do armador reserva Chris Duhon deu à equipe nove pontos de superioridade (34 a 25).

O Lakers baixou a desvantagem para cinco pontos (46 a 41) quando o jogo chegou ao intervalo. E com um gancho de Gasol e uma cesta seguida de um lance livre certeiro de Bynum na abertura da segunda metade, empatou o confronto em 46 pontos.

O Orlando ainda resistiu por alguns minutos, mas os 12 pontos de Bryant no terceiro quarto foram fundamentais para que o time da casa se estabelecesse no comando do placar. A vantagem, que era de cinco pontos (71 a 66) ao final do terceiro período, não demorou para atingir o duplo dígito.

A pontaria calibrada dos reservas Matt Barnes e Shannon Brown liderou uma corrida de 14 pontos a três do Lakers no princípio do último quarto. O Orlando ficou para trás e, sem forças para voltar a incomodar, apenas assistiu o rival confirmar a vitória dentro de casa nos minutos finais.

Leia tudo sobre: orlando magicnbalos angeles lakers

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG