Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Lakers bate o New Jersey fora de casa comandado por Kobe Bryant

Craque do time de Los Angeles foi o cestinha do jogo com 32 pontos e liderou a vitória sobre o Nets, que está em má fase

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882565918&_c_=MiGComponente_C

O Los Angeles Lakers não encontrou facilidade na sua visita ao New Jersey Nets, mas conseguiu deixar a quadra com a vitória por 99 a 92. O resultado representa a sétima derrota consecutiva do time local.

O craque Kobe Bryant foi o cestinha do jogo com 32 pontos e ainda deu seis assistências. O ala Lamar Odom acertou nove dos seus 13 arremessos de quadra e marcou 22 pontos, além de ter apanhado sete rebotes. Já o ala-pivô espanhol Pau Gasol somou 15 pontos, 11 rebotes e cinco tocos.

Getty Images
Kobe Bryant em ação contra o Nets; astro foi o cestinha do jogo com 32 pontos

O New Jersey contou com mais uma ótima apresentação de Brook Lopez. O jovem pivô fez 25 pontos e capturou nove rebotes, mas não foi o suficiente para fazer a sua equipe se reencontrar com a vitória. O ala Kris Humphries (11 pontos e 11 rebotes) e o armador Devin Harris (16 pontos, dez assistências e oito rebotes) também apareceram bem.

O Lakers foi melhor na primeira metade. Venceu os dois primeiros quartos da partida e levou para o intervalo dez pontos de superioridade: 52 a 42. Mas aqueles que imaginavam que os atuais campeões iriam disparar no marcador na volta dos vestiários e confirmariam a vitória de maneira tranquila se enganaram.

A defesa do Nets funcionou muito bem durante o terceiro quarto, limitando o poderoso ataque da equipe californiana a apenas 17 pontos. Os mandantes anotaram todos os oito últimos pontos do período e cortaram a desvantagem para apenas uma posse de bola (69 a 67).

O confronto seguia completamente indefinido ao longo dos minutos finais. As duas equipes se revezaram algumas vezes na ponta do marcador, que estava empatado em 87 pontos com 2:44 minutos restantes. Mas o Lakers anotou oito pontos consecutivos e distanciou-se com distância confortável o suficiente para assegurar a vitória fora de casa.

O Nets só voltou a pontuar quando Harris fez uma bandeja a 23 segundos do estouro do cronômetro. Tarde demais: não havia mais tempo suficiente para que os mandantes voltassem a ameaçar o resultado.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG