Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Lakers bate o Chicago em jogo equilibrado e vence quinta seguida

Derrick Rose fez com que o Bulls se mantivesse vivo no jogo até o último quarto, mas não conseguiu evitar derrota

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237859636184&_c_=MiGComponente_C

O Los Angeles Lakers chegou nesta terça-feira à quinta vitória consecutiva. Os atuais campeões receberam em seu Staples Center a visita do Chicago Bulls e ganharam por 98 a 91.

O destaque da equipe da Califórnia foi o ala Lamar Odom, dono de 21 pontos e oito rebotes. Vindo do banco, o armador Shannon Brown contribuiu com os mesmos 21 pontos ¿ sendo 18 deles na primeira metade. O craque Kobe Bryant anotou 20 pontos e distribuiu cinco assistências, enquanto o ala-pivô espanhol Pau Gasol somou 12 pontos e 11 assistências.

AP
Joakim Noah perde o controle da bola ao enfrentar a marcação do Lakers

A grande atuação individual do jogo foi de Derrick Rose. Com 30 pontos e oito assistências, o jovem armador fez com que o Chicago impusesse resistência aos mandantes até os minutos finais do encontro. A dupla de garrafão também teve boa participação: o ala-pivô Taj Gibson fez 16 pontos e 12 rebotes, enquanto o pivô Joakim Noah somou 19 pontos e 13 rebotes.

Os dois times tiveram aproveitamento idêntico nos arremessos de quadra: ambos acertaram 39,5% dos seus tiros. A diferença é que o Lakers acertou dez arremessos de três pontos, ao passo que o Bulls teve sucesso em apenas quatro tiros longos.

Os visitantes deram sinais desde o início da partida de que dificultariam ao máximo a vida dos atuais campeões. Com 16 pontos e sete assistências de Rose, o Bulls foi para os vestiários somente dois pontos atrás no marcador (51 a 49). O responsável por manter o Lakers na liderança no intervalo foi Brown, com seus quatro acertos em arremessos longos e 18 pontos marcados.

O time local parecia não encontrar respostas para anular Rose. O armador do Bulls passou a encarar marcação de dois jogadores adversários, mas ainda assim conseguia produzir com eficiência. Reflexo disso são os 11 pontos anotados ao longo do terceiro período.

Chicago permaneceu na cola do adversário e chegou até a virar a partida no último quarto. Quando Noah acertou um arremesso a pouco mais de oito minutos para o fim, vencia por 81 a 79. Mas o Lakers respondeu com uma corrida de 17 a 2, comandado por quatro bolas certeiras de três pontos, disparou no marcador e confirmou a vitória na reta final.

Esta foi a 13ª vitória em 15 jogos dos californianos na temporada. Já o Chicago, que segue sua maratona de jogos fora de casa, tem agora sete triunfos e cinco derrotas na competição.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG