Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Kevin Garnett diz que Rajon Rondo está jogando machucado

Armador do Boston Celtics tem problemas no tornozelo e na planta do pé direito. E não há reservas para descansar o jogador

iG São Paulo |

O armador Rajon Rondo, do Boston Celtics, teve um início de temporada espetacular. Nos últimos jogos, no entanto, houve uma queda de rendimento dramática em seu desempenho.

Na vitória desta quarta-feira diante do Indiana Pacers (92 a 80), Rajon deixou a quadra zerado em pontos e rebotes. Nos últimos três confrontos do Celtics, anotou apenas quatro pontos e apanhou sete rebotes.

Na vitória frente ao Milwaukee Bucks (87 a 56), em 13 de março passado, deu apenas três assistências, quando sua média é de quase 12 por partida.

Getty Images
Doc Rivers e Rajon Rondo; armador tem problemas de lesão e não consegue se tratar

 Aliás, nos últimos dez jogos, seu desempenho é este: 7,7 pontos, 9,5 assistências e 3,8 rebotes. Nesta temporada, ele já anotou três “triple-doubles” (mais de dois dígitos em três fundamentos) e 25 “double-doubles” (mais de dois dígitos em dois fundamentos).

O que se passa com Rajon? Esta é a pergunta que, principalmente, os fãs do Boston fazem neste momento.

A resposta quem dá é Kevin Garnett: “Rondo está jogando machucado”. O problema está na planta do pé direito e também no tornozelo. “Apesar de ferido, ele tem nos dado em quadra tudo o que ele pode”, afirmou o ala-pivô do Boston.

A tabela será cruel com o Celtics até o final deste mês. O time não terá dois dias de descanso neste período. Sua primeira folga será nos dois 29 e 30 de março. No dia seguinte, o time pega o Spurs, em San Antonio.

Como os jogos são decisivos daqui para frente e o time briga com o Chicago Bulls pela primeira colocação na Conferência Leste, dificilmente Rajon poderá descansar.

“Eu não sei se ele está perdendo a força de seu jogo (por causa da contusão), mas ele não está jogando bem neste momento”, disse o técnico Doc Rivers.

Sem poder contar com Nate Robinson, negociado com o Oklahoma City Thunder, e com Delonte West, que vive contundido, a alternativa que resta ao Boston é adaptar o mais rapidamente o armador Carlos Arroyo ao time.

O porto-riquenho, que começou a temporada com o Miami Heat, foi contratado há duas semanas e ainda não está adaptado ao sistema de jogo da equipe. Enquanto isso não ocorre, Rajon segue em quadra.

Antes da contratação de Arroyo, Rondo estava jogando em média 39 minutos por partida. Caiu para 36. Rivers espera diminuir ainda mais o tempo de permanência em quadra de seu armador titular.

E, quando for possível, com Arroyo e West em forma, deixar Rajon do lado de fora para cuidar da lesão.

 

Leia tudo sobre: Rajon RondoKevin GarnettBoston CelticsNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG