Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Jogadores pagaram por cirurgia de ex-técnico do Clippers

Kim Hughes foi diagnisticado com câncer de próstata em 2004. Plano de saúde da franquia não cobria médico e hospital procurados

iG São Paulo |

Ex-treinador do Los Angeles Clippers na temporada passada, Kim Hughes deve sua vida a alguns jogadores e ex-jogadores do Los Angeles Clippers.

Diagnosticado com câncer de próstata em 2004, Hughes foi ao médico de seu convênio e eles disseram que a cirurgia poderia levar alguns meses para ser realizada. Hughes procurou uma segunda opinião.

O segundo médico consultado disse que a cirurgia teria que ser feita em uma semana. Acontece que este médico não fazia parte da relação do plano de saúde oferecido pela franquia a seus funcionários.

Hughes procurou a direção do Clippers para que ela pagasse pela cirurgia. Mas a resposta foi negativa.

“Eles não falaram diretamente comigo, mas me informaram, segundo meu agente (e eu acredito nele), que a razão pela qual eles não poderiam arcar com a cirurgia é que isso poderia abrir um precedente e, neste caso, todo funcionário da franquia teria direito também”, disse Hughes.

A solução para o problema veio quando o técnico Mike Dunleavy comentou a situação com alguns jogadores do time, entre eles Corey Maggette (hoje no Milwaukee Bucks), Elton Brand (atualmente no Philadelphia 76ers), Marko Jaric (no basquete espanhol) e Chris Kaman, que ainda permanece no Los Angeles.

“Além de nosso treinador, Kim era uma amigo próximo”, disse Maggette. “Como o plano de saúde do Clippers não cobria a cirurgia, pensei que era uma grande oportunidade para ajudarmos um amigo, fazer algo que Cristo faria. Afinal, ele estava em uma situação de vida ou morte”.

E era mesmo. Hughes teve que retirar toda a próstata, pois a doença ameaçava atingir outros órgãos.

“Normalmente, esse é um câncer que progride lentamente”, disse Hughes, “mas não era o meu caso. Esses rapazes salvaram a minha vida”.

A cirurgia, segundo Hughes custou mais de US$ 70 mil. “Eles pagaram tudo; não foi barato”, disse o ex-treinador, que atualmente está desempregado.

A notícia foi veiculada pelo site da ESPN dos EUA. Segundo ele, a direção do Clippers não quis se pronunciar sobre o caso.

 

Leia tudo sobre: Kim HughesCorey MaggetteLos Angeles ClippersNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG