Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Integrantes do Thunder ressaltam ''campanha positiva''

Eliminação nas finais da Conferência Oeste é vista com pesar, mas elenco e comissão técnica enaltecem temporada da jovem equipe

iG São Paulo |

A temporada do Oklahoma City Thunder terminou na noite desta quarta-feira com a derrota por 100 a 96 para o Dallas Mavericks e o fechamento da série final da Conferência Oeste por 4 a 1. Os jogadores do time e o treinador Scott Brooks ficaram decepcionados com a eliminação, mas valorizaram o trabalho realizado pela equipe ao longo da campanha.

“Como técnico de um time, eu não poderia pedir nada melhor de 15 jogadores do que o que eles apresentaram o ano inteiro”, disse Brooks. “Eles são comprometidos com o jogo e uns com os outros. Nós tivemos várias coisas que poderiam ter sido feitas melhor, mas eles nunca ficaram cabisbaixos”.

O ala Kevin Durant revelou que estava chocado depois da derrota. “É chocante saber que a nossa temporada acabou”, afirmou. “Mas nós lutamos a temporada toda. Eu tentei manter uma postura positiva e dizer para os companheiros que tivemos um ótimo ano. Esta foi uma dessas temporadas que proporcionaram uma caminhada divertida”.

Na entrevista pós-jogo, o ala-armador James Harden também fez questão de parabenizar o trabalho do grupo. “Nós trabalhamos muito duro durante a temporada regular e depois tivemos que lutar contra cedo contra adversidades nos playoffs, nós tivemos uma ótima campanha”.

Embora o ano tenha sido positivo e o jovem time do Thunder tenha ficado a um passo de ter conquistado o título da conferência, Brooks acredita que, individual e coletivamente, o grupo precisa pensar em melhorar.

“Cinquenta e cinco vitórias na temporada, vencer duas series de playoffs e lutar por cinco jogos para ter a chance de vencer uma mais: este foi um ano muito bom”, falou o treinador. “Estou orgulhoso como comandante. Mas temos todos que melhorar, inclusive eu. Analisarei meu trabalho e vou trabalhar neste verão para voltar melhor. Espero o mesmo dos jogadores”.

Getty Images
Kevin Durant lamenta eliminação do Thunder após o fim de jogo, mas futuro da equipe empolga ala

Harden concordou com o comentário do técnico e já pensa no que trabalhar para a próxima temporada. “Nós temos que trabalhar em nossas fraquezas e evoluir estas áreas”, afirmou o sexto jogador do time. “Apenas completar o nosso jogo individualmente e, quando voltar, trabalhar nos campos que podem nos fazer melhor como equipe”.

O Thunder é um dos times mais jovens da NBA. Os dois líderes do grupo, Durant e o armador Russell Westbrook, têm 22 anos de idade. Apenas um jogador do elenco (o pivô Nazr Mohammed) tem mais do que 30 anos. No entanto, Brooks alerta que isso não pode ser usado como desculpa para justificar a atual derrota.

“No ano que vem, eles vão ter 23 anos e ainda serão jovens”, disse, referindo-se especificamente a Durant e Westbrook. “Não vamos usar isso como desculpa. Nos fomos eliminados há dez minutos, então é difícil falar em futuro agora, mas é óbvio que será muito importante que continuemos melhorando”.

Durant preferiu uma abordagem mais positiva sobre as próximas temporadas: “É duro falar sobre isso agora, mas estou empolgado com o que o futuro prepara para nós”.
 

Leia tudo sobre: NBAOklahoma City ThunderKevin DurantScott Brooks

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG