Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Em final emocionante, Toronto bate Boston por apenas um ponto

Leandrinho retornou depois de seis jogos, fez 12 pontos e roubou a bola que deu a vitória ao time canadense

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237859462766&_c_=MiGComponente_C

Com Leandrinho Barbosa de volta depois de seis partidas do lado de fora por conta de uma contusão no ombro, o Toronto Raptors recebeu o Boston Celtics em seu Air Canada Center e venceu por 102 a 101. O final da partida foi emocionante e Leandrinho acabou como um dos protagonistas.

Depois que Sony Weems fez uma bandeja para o Raptors e deixou o placar em 101 a 100 para o Boston, a 18 segundos do final da partida, a saída de bola foi dada para Ray Allen. Sorrateiramente, Barbosa deu um tapa na bola e tirou-a do ala-armador do Celtics. No contra-ataque, Leandrinho perdeu a bandeja (toco de Paul Pierce), mas Amir Johnson ficou com o rebote e sofreu falta.

O relógio marcava 2,7 segundos para o fim e Johnson foi para a linha do lance livre. Acertou os dois tiros e levou o marcador para os definitivos 102 a 101 para o time canadense.

Havia duas temporadas que o Raptors não batia o Celtics. A última vez que isso ocorreu foi em 23 de janeiro de 2008 na vitória por 114 a 112.

Leandrinho fez 12 pontos em seu retorno, mas o grande destaque dos canadenses na pontuação foi o pivô Andrea Bargnani. O italiano anotou 29 pontos, embora tenha pegado só dois rebotes. Reggie Evans apanhou 16 e ajudou o Toronto a bater o Boston neste fundamento em 41 a 36.

Do lado dos americanos, Nate Robinson liderou o time em quadra com 22 pontos. Pierce e Allen anotaram 19 pontos cada um, enquanto que Kevin Garnett fez 12.

AP
Amir Johnson celebra com os companheiros a vitória diante do Boston Celtics

A emoção do final não podia ser imaginada quando Leandrinho acertou sua única bola de três a nove minutos do final da partida levando o marcador para 93 a 81. O problema é que os canadenses erraram seus seguintes dez arremessos e isso possibilitou ao Celtics uma corrida de 17 a 1, levando o time de Massachusetts a liderar o marcador em 98 a 94, a 3:26 minutos para o final.

Os três pontos seguintes do Boston foram frutos de lances livres. Os três arremessos feitos foram errados e ainda por cima o time cometeu dois erros. Disso se aproveitou o Toronto que fez oito pontos (dois deles com Leandrinho) e fechou o jogo conseguindo uma vitória que muitos imaginavam que não fosse ocorrer.

A derrota foi a segunda consecutiva do Boston. Na última sexta-feira, o time foi derrotado em casa pelo Oklahoma City por 89 a 84.

Leia tudo sobre: basquete - nba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG