Dois atletas foram expulsos da partida, que terminou com vitória dos porto-riquenhos por 94 a 82

O clima esquentou durante a vitória de Porto Rico sobre a Venezuela, por 94 a 82, na segunda fase do Pré-Olímpico Masculino de Basquete, em Mar del Plata, na Argentina. O pivô porto-riquenho Renaldo Balkman, após sofrer falta, se estranhou com o venezuelano Nestor Colmenares e acertou uma cabeçada no rosto do rival. O lance gerou um princípio de confusão e os dois atletas foram expulsos da partida.

O entrevero aconteceu durante o quarto período, quando Porto Rico já vencia o duelo com 18 pontos de vantagem (75 a 57). Apesar da briga que manchou o confronto, o porto-riquenho Javier Mojica preferiu exaltar sua equipe e abafar o ocorrido. "Somos um time muito bom, e a chave da vitória hoje foi a nossa defesa. Isso (a confusão) é normal quando há duas equipes querendo vencer de qualquer maneira".

A expulsão de Balkman - que disputa a NBA pelo New York Knicks - e Colmenares tira ambos da próxima partida de suas seleções. Porto Rico volta a quadra na terça-feira, para enfrentar o Canadá, enquando a Venezuela duela com a anfitriã Argentina.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.