Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Em casa, Miami derrota Boston e toma a segunda colocação do Leste

Time da Flórida superou começo irregular, dominou rival e diminuiu freguesia nesta temporada

iG São Paulo |

Getty Images
Ray Allen tenta lance contra a marcação de Wade
O Miami Heat conseguiu um importante resultado na tarde deste domingo. Jogando em casa, o time da Flórida recebeu o Boston Celtics e não deu chance para o rival direto na briga pela segunda colocação da Conferência Leste. Após um começo irregular os mandantes venceram por 100 a 77.

Com a vitória, o Heat assume a segunda colocação do Leste com um triunfo a mais do que o rival. Agora, o time da Flórida tem 56 triunfos e 24 derrotas na temporada regular. O líder é o Chicago Bulls, que não pode mais ser alcançado.

O triunfo também diminui a freguesia do Miami diante do Boston na temporada. O Celtics havia vencido os três primeiros encontros entre ambos incluindo o jogo de abertura deste campeonato. Por conta disso, o Heat está em desvantagem em caso de empate entre ambos ao final das 82 partidas.

LeBron James foi o grande nome da vitória do time da Flórida. O jogador foi o cestinha da partida com 27 pontos e ainda colaborou com sete assistências e cinco rebotes. Pelo lado do Boston, Paul Pierce foi o melhor: o ala somou 24 pontos e sete rebotes.

O jogo

O Boston começou melhor o jogo. Sem sofrer pontos nos dois primeiros minutos, o Celtics chegou a abrir 8 a 0. Com tranquilidade, os visitantes dominaram a primeira metade do quarto inicial. No entanto, a defesa do Miami melhorou e evitou o ataque do rival nos quatro minutos finais do período para reduzir a desvantagem para apenas um: 22 a 21.

Logo no primeiro lance do segundo quarto o Heat conseguiu a virada. Com dificuldade para pontuar, o Boston viu o Miami dominar o período e abrir nove pontos de vantagem. Apesar dos 15 pontos de Garnett, o Celtics foi para o intervalo atrás no marcador: 47 a 40.

AP
Dwyane Wade e LeBron James comemoram lance do Miami Heat na partida contra o Boston neste domingo

O Miami voltou mais concentrado para o segundo tempo. Em pouco mais de um minuto, o time da Flórida marcou sete pontos e sofreu apenas dois, aumentando a vantagem para 12 e obrigando o treinador Doc Rivers a pedir tempo para o Boston.

A parada não deu resultado. O máximo que o Boston conseguiu foi reequilibrar as ações. No entanto, o sistema defensivo do Miami impediu qualquer reação dos visitantes. Apenas trocando ataques, o Heat chegou ao final do período com 74 a 59 no placar.

O quarto decisivo começou exatamente como o terceiro. O Miami abriu 7 a 2 nos primeiros minutos e jogou a vantagem pela primeira vez para a casa de 20 pontos. Após novo pedido de tempo de Rivers, o Celtics conseguiu uma boa arrancada e reduziu a diferença para apenas dez na metade do período.

Com uma cesta de Chris Bosh e outra de três pontos convertida por Mike Bibby, o Miami voltou a estabelecer a diferença em 15 pontos. A sequência colocou um ponto final em qualquer expectativa de reação do Boston.
 

Leia tudo sobre: Miami HeatLeBron JamesBoston CelticsRay AllenNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG