Tamanho do texto

Hawks contou com boa atuação coletiva. Sem Deron Williams, New Jersey é superado pelo Washington Wizards

O Atlanta Hawks conseguiu uma importante vitória na tarde deste domingo. Jogando em casa, a equipe dominou o Detroit Pistons durante todo o confronto e venceu por 104 a 96 com boa atuação coletiva.

Todos os titulares do Atlanta colaboraram com pelo menos dez pontos. Entre os reservas, o pivô Zaza Pachulia também superou a marca, completando seis jogadores. Entre eles, o destaque foi Al Horford. Ele conseguiu um "double-double ao anotar 18 pontos e pegar dez rebotes.

Com o desempenho, o Atlanta cravou a 40ª vitória em 70 partidas na temporada. Com o desempenho, a equipe segue na quinta colocação da Conferência Leste e se aproximou ainda mais de assegurar uma vaga nos playoffs.

Armador Joe Johnson briga pela posse de bola com os jogadores do Detroit Pistons
AP
Armador Joe Johnson briga pela posse de bola com os jogadores do Detroit Pistons
Pelo lado do Detroit, o principal nome foi o armador reserva Rodney Stuckey. O jogador foi o cestinha do duelo com 22 pontos. No entanto, o bom desempenho não evitou o 45º revés do Pistons na temporada. Agora a equipe ficou mais distante de alcançar um lugar na fase decisiva. Em décimo primeiro na Conferência Leste, o time tem cinco vitórias a menos do que o Indiana Pacers, primeiro na zona de classificação.

O jogo

Jogando em casa, o Atlanta começou melhor o duelo da tarde deste domingo. O Hawks dominou o primeiro período após permitir apenas 17 pontos ao Detroit. No entanto, os visitantes melhoraram. A defesa dos anfitriões parou de funcionar e Pistons viu o aproveitamento de ataque subir para 55%.

Com o jogo aberto, os 12 minutos finais do tiveram muitos pontos. Apesar da recuperação do Pistons, o Atlanta conseguiu se manter no controle do marcador. Com isso, a partida foi para o intervalo com 55 a 50 para o Hawks.

A parada entre o primeiro e o segundo tempo não fez bem ao time de Detroit. O Atlanta voltou melhor defensivamente e conseguiu colocar 12 pontos de vantagem. No entanto o Pistons se recuperou na metade final do terceiro quarto. O empate no período levou o jogo para os 12 minutos finais com as equipes separadas por cinco pontos: 79 a 74.

O Atlanta começou melhor o quarto final e chegou a colocar dez pontos de frente. No entanto, o Detroit se recuperou e reduziu para apenas três quando faltavam cinco minutos. Tal fato obrigou o treinador Larry Drew a pedir tempo para o Hawks.

John Wall tenta a cesta para o Wizards
AP
John Wall tenta a cesta para o Wizards
O jogo então ficou bastante equilibrado, mas o Atlanta chegou ao minuto final com cinco pontos de vantagem. Após um pedido de tempo, o Detroit reduziu a diferença para quatro e passou a fazer faltas para congelar o relógio. Sem vacilar, o Hawks aproveitou os lances livres para garantir o triunfo.

Sem Deron, New Jersey perde para Washington

O New Jersey Nets sentiu a falta de Deron Williams no primeiro dos três jogos sem o armador. Jogando na capital norte-americana, a equipe foi derrotada por 98 a 92 na tarde deste domingo pelo Washington Wizards.

O Nets não pôde contar com Williams no duelo deste domingo. Com uma lesão no pulso, o armador ainda perderá outras duas partidas. Sem seu principal jogador, o New Jersey amargou a 46ª derrota em 68 jogos na temporada. Com a campanha, a equipe aparece apenas na décima segunda posição da Conferência Leste.

Já o Wizards conseguiu apenas a décima sétima vitória no campeonato. Após 68 partidas, o time da capital norte-americana é o penúltimo colocado do Leste.

Para vencer, o time de Washington contou com boa atuação do novato John Wall. O jovem armador foi o cestinha do duelo com 26 pontos e oito assistências. Pelo lado do Nets, o armador Jordan Farmar foi o melhor ao conseguir um "double-double" Foram dez pontos e 17 assistências.