Veterano pivô afirma ainda ter muito a oferecer ao Boston e acredita que as chances de se tornar campeão pela equipe são grandes

Jermaine O'Neal em ação pelo Boston
Getty Images
Jermaine O'Neal em ação pelo Boston
O garrafão do Boston Celtics não contará na próxima temporada com Shaquille O’Neal, que anunciou aposentadoria nesta semana . Por outro lado, o experiente Jermaine O’Neal não pretende seguir o mesmo caminho e confirmou que continuará em atividade.

“Eu ainda tenho muito a oferecer para essa equipe”, afirmou O’Neal, que enfrentou uma série de lesões e teve sua participação na temporada 2010/11 limitada a apenas 24 partidas.

O presidente do Boston, Danny Ainge, confirmou ter conversado com o jogador sobre a situação e comemorou a decisão do atleta de seguir jogando: “Ele contribuiu bastante no final da temporada, especialmente na defesa. Nós precisamos dele, acredito que ele tenha muito mais para nos oferecer”.

Aos 32 anos de idade, O’Neal disputou com o Celtics a sua 15ª temporada como profissional. As médias registradas foram de 5,4 pontos e 3,7 rebotes em 18 minutos de ação por partida. Ele não apresentava desempenho tão baixo desde o final dos anos 1990, quando era reserva do Portland Trail Blazers.

A busca por um anel de campeão é o que faz O’Neal prolongar a carreira. E ele acredita ter boas chances de enfim conquistar o título se permanecer no Celtics, ao lado de Kevin Garnett, Paul Pierce, Ray Allen e Rajon Rondo.

“Sei como esses caras são competitivos, e sei que eles acreditam que são capazes de vencer mais um campeonato”, declarou O’Neal. “Eu penso da mesma maneira”.

A trajetória do Boston na temporada 2010/11 foi interrompida na semifinal da Conferência Leste, com a eliminação diante do Miami Heat .

    Leia tudo sobre: nba
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.