Mandatário da franquia desde maio de 2010, Mikhail Prokhorov assumiu comando de grupo que faz oposição ao governo

O bilionário Mikhail Prokhorov, acionista majoritário do New Jersey Nets, foi confirmado neste sábado como novo líder do Partido da Causa Justa (Pravoe Delo). O magnata foi escolhido pelos membros da facção política em votação secreta.

Getty Images
Mikhail Prokhorov, dono do New Jersey Nets
O partido que Prokhorov preside é visto como uma criação do governo russo para atrair oposicionistas (em sua maioria, empresários capitalistas), criando a ilusão de que existe competição política no país para as eleições parlamentares que acontecerão em dezembro. Atualmente, o partido da Rússia Unida está no poder.

Em suas primeiras palavras como líder partidário, Prokhorov buscou uma conciliação entre o ideal de abertura para o capitalismo na Rússia e a manutenção do sistema comunista.

“Nosso slogan principal, ‘Capitalismo para todos’, não é verdadeiro”, disse. “Isso não é possível. Capitalismo é apenas para pessoas que gostam de correr riscos, que gostam de assumir a responsabilidade por seus atos. Um estado justo, inteligente e profissional tem que dar outras garantias sociais e suporte aos seus cidadãos”.

Prokhorov tem 46 anos e tornou-se sócio majoritário do Nets em maio de 2010. Sua fortuna estimada em US$ 18 bilhões (R$ 28,8 bilhões) foi conquistada lidando com o mercado de metais e bancário.

Assim que chegou à Nova Jersey, o magnata prometeu investimentos e o rápido fortalecimento do elenco, revelando ter um plano de cinco anos para levar o time ao título da NBA. Este será um trabalho complicado, pois o time teve campanha de 24 vitórias e 58 derrotas na última temporada.

Atualmente, a franquia prepara uma mudança de casa: sairá da cidade que lhe dá nome para um novo ginásio que está sendo construído no bairro do Brooklyn, em Nova York.

    Leia tudo sobre: NBA
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.