Estrela norte-americana que joga no Fenerbahce está suspensa do basquete até a realização de um novo teste

Diana Taurasi, jogadora que fez parte da seleção norte-americana campeã do Mundial da República Tcheca neste ano, foi flagrada no exame antidoping. A atleta, que atua no Fenerbahce, está suspensa preventivamente.

O advogado de Taurasi, Howard Jacobs, disse que o teste veio com o resultado positivo de um laboratório da Turquia na semana passada e que a substância não é um esteroide ou uma droga recreacional. E afirma que a jogadora já pediu a contraprova do exame.

Taurasi já ficou de fora de três partidas do Fenerbahce e ficará impedida de jogar pelo clube turco até o resultado do segundo exame. E Howard diz que as providências para que a jogadora volte às quadras imediatamente já estão sendo tomadas, mas não revela qual a substância encontrada.

Diana Taurasi fez parte da conquista dos EUA no Mundial da República Tcheca
Site oficial
Diana Taurasi fez parte da conquista dos EUA no Mundial da República Tcheca

“Estamos dando um passo de cada vez”, afirmou o advogado de Taurasi. “Não gostaria de falar qual a substância porque só foi realizado o teste na amostra ‘A’. O assunto acabou vazando na Turquia, mas esperamos resolvê-lo o mais rápido possível”.

Em sua página da internet, o Fenerbahce também se pronunciou a respeito: “Ela (Taurasi) está extremamente perturbada porque o seu direito de sigilo foi violado e que o doping já era comentado antes mesmo dos resultados terem sido divulgados”.

Taurasi é um dos grandes nomes do basquete feminino dos EUA. Além de fazer parte da seleção no Mundial deste ano, foi eleita a melhor jogadora da WNBA de 2009. Antes de ingressar na liga, levou a Universidade de Connecticut a três conquistas consecutivas (2001, 2002 e 2003), quando a equipe venceu 70 jogos consecutivos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.