Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Derrick Rose falha e Bulls volta a perder após sete vitórias

Armador do time de Chicago teve a chance de empatar a partida contra o Clippers, mas errou lance livre no segundo final

iG São Paulo |

 

O Los Angeles Clippers encerrou o bom momento do Chicago Bulls. Jogando como visitante, a equipe de californiana contou com um erro de Derrick Rose no último segundo para vencer por 100 a 99 e determinar o final da série de vitórias seguidas do rival de Illinois.

Rose foi para a linha do lance livre no último instante do duelo podendo igualar o jogo e levar a partida para a prorrogação. Contudo, o armador estragou a sua ótima atuação ao falhar no segundo arremesso e "entregar" a vitória ao Clippers.

O jovem armador foi o cestinha do jogo com 34 pontos. Rose converteu 12 das 24 tentativas que fez na partida. Com oito assistências, o jogador ficou perto de um "double-double".

Pelo lado do time de Los Angeles, Blake Griffin foi o destaque. O pivô se valeu da ausência de Joakim Noah no Chicago e anotou 29 pontos e pegou 12 rebotes. Outro ponto forte da equipe foi o banco de reservas. Foram 33 pontos dos suplentes do Clipers contra 20 do Bulls.

Foi apenas a nona derrota do Bulls em 25 jogos. A equipe segue na terceira posição na Conferência Leste. Já o Clippers comemorou apenas o sétimo resultado positivo na temporada. O time é o penúltimo entre as franquias do Oeste.

O jogo

Com ótimo desempenho de Blake Griffin, o Clippers abriu nove pontos de vantagem no primeiro quarto mesmo jogando fora de casa. Entretanto, os 60% de aproveitamento das ações ofensivas não foi suficiente para o time de Los Angeles vencer a parcial. O Bulls reagiu e virou. O time de Chicago terminou os 12 minutos iniciais com 31 a 28 no placar.

O começo do jogo se repetiu no inicio da segunda parcial. Novamente apoiado em Griffin, o Clippers fez 21 pontos e sofreu apenas nove na metade do período. Com o desempenho, a equipe de Los Angeles voltou a abrir nove de vantagem (49 a 40).

Assim como aconteceu no primeiro quarto, o Bulls chegou a se recuperar. No entanto, o bom desempenho ofensivo ajudou o Clippers a se manter no comando do placar. A equipe anotou 61 pontos antes de ir para o intervalo e manteve a vantagem em oito tentos.

Na volta dos vestiários, o Bulls contou com ótimo desempenho de Derrick Rose para se manter vivo no jogo. O armador anotou 15 dos 23 pontos da equipe na parcial. Com o desempenho, o time de Chicago reduziu a desvantagem em um tento.

No período decisivo, o Clippers seguiu usando Griffin como bola de segurança para manter o relativo conforto no placar. Mesmo com o Bulls vencendo a parcial, o time de Los Angeles segurou a vantagem entre quatro e sete pontos até 30 segundos para o final.

Com cestas do armador Rose e de Boozer, o Bulls reduziu a desvantagem para apenas dois pontos dentro do minuto final. Após erro do Clippers no ataque, Rose teve a chance de empatar o jogo na linha de lance livre com a torcida gritando "MVP" (jogador mais valioso). No entanto, o jogador errou o segundo arremesso e o Chicago saiu derrotado.


 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG