Tamanho do texto

Presidente do Boston acredita que jogador hoje no Memphis Grizzlies poderia ter ajudado o Celtics nos playoffs

Tony Allen tem feito bons jogos pelo Memphis
Getty Images
Tony Allen tem feito bons jogos pelo Memphis
Danny Ainge admitiu um erro de estratégia na montagem de elenco do Boston Celtics. O presidente do maior campeão da NBA lamenta não ter mantido Tony Allen no grupo que disputou esta temporada. O dirigente revelou o atleta, hoje no Memphis Grizzlies poderia ter ajudado a equipe.

"Eu poderia ter lutado mais para manter Allen", disse o dirigente em entrevista ao site norte-americano "Boston Globe". "Tentamos assinar com ele novamente e mantê-lo no nosso programa de dois anos. Ele poderia ter nos ajudado", lamentou.

Allen foi jogador do Boston nas seis temporadas que disputou na NBA. No entanto, antes do começo da atual disputa, o jogador preferiu trocar de equipe. Ofuscado pelos principais astros do Celtics, o jogador escolheu atuar pelo Memphis.

A mudança deu resultado para Allen. O jogador saltou de oito minutos em quadra em seu último campeonato com o Boston para 31 desde que chegou ao Memphis. O atleta foi titular da equipe nos 11 jogos dos playoffs. No Celtics ele conseguiu o feito apenas dez vezes somando as temporadas 2008/09 e 2009/10.

"Nós oferecemos um contrato de dois anos", revelou Ainge. "Mas quando o Memphis mostrou a ele um pouco de amor, ele passou a considerar a ideia de jogar mais tempo. Então ele queria uma mudança de cenário".

Enquanto Ainge e o Boston já estão eliminados da temporada , Allen segue na disputa pelo título. O jogador e o Memphis disputam a série semifinal do Oeste. O Grizzlies tem a disputa empatada contra o Oklahoma City Thunder em 3 a 3 . Quem vencer o duelo que acontece neste domingo encara o Dallas Mavericks na decisão da conferência.