Em confronto de seleções já classificadas, europeus quebram invencibilidade norte-americana com vitória por 87 a 85

Caiu o último invicto do Mundial Sub 19. A seleção norte-americana foi derrotada na última rodada da segunda fase da competição pela Croácia por 87 a 85. As duas equipes já estavam classificadas para as quartas de final e, apesar da derrota, os norte-americanos mantiveram a liderança do Grupo F da competição.

Toni Katic, armador da seleção da Croácia
FIBA / Divulgação
Toni Katic, armador da seleção da Croácia
O principal jogador croata na partida foi o armador Toni Katic, responsável por 21 pontos. O pivô Boris Barac anotou 18 pontos e pegou sete rebotes, enquanto outro pivô, Dario Saric, saiu de quadra com 17 pontos e oito rebotes.

Pela segunda vez seguida , o cestinha dos EUA foi o ala Jeremy Lamb, que marcou 25 pontos e pegou cinco rebotes. O ala-pivô Patric Young fez 15 pontos e oito rebotes. O armador Joe Jackson anotou 14 pontos.

Os primeiro e segundo quartos tiveram histórias muito semelhantes. Após equilíbrio em sua primeira metade, um dos times (Croácia no primeiro, EUA no segundo) ensaiou a construção de uma pequena vantagem, mas permitiu a reação do adversário antes do fim do período.

Desta forma, uma bola de três pontos do ala-pivô Stipe Krstanovic faltando oito segundos para o intervalo acabou definindo o tempo em favor dos croatas, que foram para os vestiários com liderança de 46 a 43.

Quebrando o equilíbrio visto anteriormente, os croatas voltaram visivelmente melhores para o terceiro período e, anotando 11 dos primeiros 17 pontos do segundo tempo, começaram a disparar no marcador. Os europeus chegaram a ter 11 pontos de frente e foram para os 10 minutos decisivos com nove de vantagem (70 a 61).

No último quarto, a história voltou a mudar. Os norte-americanos dispararam nos primeiros minutos e chegaram a virar o placar marcando 19 dos primeiros 24 pontos do período. No entanto, a Croácia se recuperou e tomou o comando novamente.

Comandado por Katic, o time virou o jogo e com um lance convertido por ele faltando 21 segundos no relógio, deixaram o placar em 87 a 85. Assim como na partida anterior, a bola derradeira dos EUA foi para a mão de Lamb, mas o ala não conseguiu converter desta vez.

Agora, as seleções aguardam os placares do Grupo E para conhecer seus adversários. Os norte-americanos enfrentarão o quarto da outra chave, enquanto os croatas encaram o terceiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.