Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Crescimento da NBA faz comunidades se solidificarem no Orkut

Chicago, Lakers e Cleveland são franquias que têm mais seguidores na rede social mais utilizada por brasileiros

Gabriel Fuhrmann, iG São Paulo |

Depois de presenciar uma queda em sua popularidade não só nos EUA, mas em todo o planeta, fruto da aposentadoria de Michael Jordan, a NBA volta a subir no conceito não apenas dos norte-americanos, mas também dos brasileiros. E um dos termômetros de que a liga está em alta por aqui são as comunidades que nasceram com a popularização da internet e do Orkut.

Estas comunidades tratam basicamente das grandes equipes da NBA, como Chicago Bulls, Los Angeles Lakers, Boston Celtics, entre outras. Elas são redutos únicos para a confraternização entre simpatizantes das equipes e discussões sobre tudo o que acontece não só na NBA, mas também no basquete mundial.

Muitas vezes estes grupos de discussão ficam ativos com comentários de torcedores durante as partidas. São críticas e opiniões para todos os lados, funcionando como um típico bar brasileiro durante uma partida de futebol. Outras vezes, é comum os fanáticos marcarem reuniões para acompanhar os jogos em pub’s e lanchonetes em algumas das principais cidades brasileiras.

Imagine o que aconteceu na comunidade dos torcedores brasileiros do Cleveland Cavaliers no momento em que LeBron James anunciou, pela ESPN, que deixaria a equipe para jogar pelo Miami Heat?

Ou então, imagine como ficou o grupo de brasileiros fanáticos pelo Los Angeles Lakers quando a franquia derrotou um de seus maiores rivais no último jogo da série melhor de sete da final da temporada passada?

Estas comunidades, baseadas no Orkut, são, de fato, como um botequim virtual. Confira as cinco maiores do Brasil.

Reprodução
Comunidade do Chicago Bulls

CHICAGO BULLS
Participantes: 47.997
Fundação: 11 de março de 2004
Link: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=27483

O time seis vezes campeão da NBA tem uma fama muito grande no Brasil. Michael Jordan e Scottie Pippen são os grandes responsáveis pelo número de fãs internacionais da franquia.

A falta de organização é prejudicial para as boas discussões da comunidade. A listagem dos tópicos fica bagunçada com propagandas, correntes e vírus. Por isso, é difícil navegar pelos assuntos colocados em pauta. Mas é muito comum ver torcedores trocando acessórios, uniformes, itens que não são fáceis de achar à venda fora do EUA.

Um ponto importante é que, apesar de ser a maior do Brasil, a comunidade está longe de ser a mais movimentada, apesar do grande fanatismo de seus participantes pelo armador Derrick Rose. Os torcedores fazem até campanha pró Rose para que ele participe do “All-Star Game”, em fevereiro próximo em Los Angeles.

Reprodução
Comunidade do Los Angeles Lakers


LOS ANGELES LAKERS
Participantes: 17.960
Fundação: 22 de junho de 2004.
Link: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=111055

A comunidade do Los Angeles Lakers é uma das mais ativas e mais organizadas no Brasil. A descrição deixa claro: “Para fãs sérios”. E é assim mesmo, nenhum jogo passa em branco para os torcedores.

Toda partida do Lakers na NBA tem um tópico especifico para comentários. Sejam eles críticas, mensagens de incentivo ou mesmo uma informação extraoficial. A organização é primordial para o bom andamento da comunidade. Os títulos dos tópicos seguem um padrão.

Como não poderia faltar, o fanatismo também está presente. A maioria apoia Kobe Bryant, mas há exceções. Isso, às vezes, gera discussões, como em qualquer conversa entre torcedores numa mesa de bar, por exemplo.

Quando o atleta está mal, alguns fãs não deixam barato e os argumentos sobre como ele deve mudar seu jogo pipocam sem parar, mantendo a comunidade saudável para uma boa discussão sobre basquete. Discussões essas que incentivam torcedores de outras equipes a participarem do grupo.

Outro ponto positivo é o empenho dos participantes, que contam com um blog exclusivo, apenas com notícias da equipe de Los Angeles.

Reprodução
Comunidade do Cleveland Cavaliers

CLEVELAND CAVALIERS
Participantes: 11.615
Fundação: 14 de agosto de 2005
Link: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=4172708

A comunidade do Cavs, de Anderson Varejão, já foi muito mais movimentada. O grande número de membros e talvez até a sua criação, se deve ao astro LeBron James, que deixou a equipe para jogar pelo Miami Heat.

Depois da saída de James, o número de participantes caiu bastante, assim como a quantidade de tópicos por dia.

No dia em que LeBron comunicou sua saída do Cavs e sua conseqüente mudança para o Miami, a comunidade tinha 12.500 membros, que não hesitaram em enviar suas mensagens pouco carinhosas para LBJ, como é conhecido.

Hoje, os pouco mais de 11 mil restantes mantêm o grupo de ódio ao antigo rei de Cleveland.

O último movimento dos torcedores foi para a partida entre Miami e Cavs, reencontro dos fãs com o ex-ídolo.

Reprodução
Comunidade do Boston Celtics

BOSTON CELTICS
Participantes: 9.931
Fundação: 3 de novembro de 2004
Link: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=676049

É como uma versão em verde e branco da comunidade do Los Angeles Lakers. Se as duas equipes eternamente rivalizam nas quadras, no mundo virtual não é diferente.

É um grupo muito ativo e que abre cerca de quatro a cinco tópicos de discussão por dia. A turma é cada vez mais unida, e além de ter uma sala de discussão via programa de mensagem instantânea, os torcedores ainda disputam ligas de “fantasy games”, que são jogos onde se contrata virtualmente jogadores e ganha-se pontos de acordo com a atuação deles no campeonato.

Nenhuma partida passa despercebida. Todas são dignas de comentários, assim como os recordes dos jogadores da equipe.

Não poderia faltar: a torcida do Celtics também tem um blog da comunidade, recheado de notícias da equipe de Boston, e em português.

Reprodução
Comunidade do Miami Heat

MIAMI HEAT
Participantes: 7.141
Fundação: 3 de setembro de 2004
Link: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=373280

A chegada de LeBron James para a franquia teve um bom efeito nos fãs brasileiros. Em junho de 2010, antes de LBJ anunciar que jogaria na Flórida, pouco mais de seis mil torcedores estavam cadastrados no grupo.

A comunidade é muito movimentada, mas desde a formação do trio de estrelas (LeBron James, Chris Bosh e Dwyane Wade), os assuntos variam pouco. Os torcedores fanáticos se reúnem para comentar tópicos como uma provável dinastia do Miami e possíveis ameaças ao título teoricamente garantido do time.

A comunidade ainda conta com um acervo de jogos do Heat, com algumas partidas históricas e claro, o título da temporada 2005/2006
 

Leia tudo sobre: NBAChicago BullsLos Angeles Lakers

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG