Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Confira os confrontos da semifinal da Conferência Leste da NBA

Chicago Bulls tenta confirmar favoritismo contra o Atlanta Hawks enquanto Boston Celtics e Miami Heat fazem duelo equilibrado

João Henrique Olegario, IG São Paulo |

A temporada 2010/11 da NBA vai chegando ao seu momento decisivo. Restam apenas quatro times na briga pelo título da Conferência Leste. Chicago Bulls joga contra o Atlanta Hawks enquanto o Boston Celtics luta contra o Miami Heat nas semifinais da conferência. Os vencedores farão o confronto que valerá vaga na grande final do campeonato.

Melhor campanha da primeira fase da NBA, o Chicago passou pelo Indiana Pacers na primeira rodada dos playoffs. Embora tenha encontrado muitas dificuldades nas partidas, o Bulls confirmou o favoritismo e passou pelo rival com quatro vitórias em cinco jogos.

O adversário do Bulls será o Atlanta. O Hawks foi o quinto melhor do Leste na primeira fase. A equipe se classificou para encarar o Orlando Magic, quarto colocado. Mesmo com campanha inferior e sem o mando de quadra, a equipe surpreendeu e bateu o rival da Flórida por 4 jogos a 2.

A outra semifinal promete ser bastante equilibrada. Boston e Miami fizeram o jogo de abertura da temporada regular. Após os 82 rodadas, o Heat chegou ao final do campeonato como segundo melhor do Leste e depois passou com facilidade pelo Philadelphia 76ers. Já o Celtics foi o terceiro e "varreu" o New York Knicks na primeira rodada dos playoffs.

Confira abaixo os dois confrontos de semifinal do Leste com detalhes sobre cada um dos quatro times envolvidos na disputa.
 

(1º) CHICAGO BULLS x ATLANTA HAWKS (5º)
Confronto direto na temporada: 2 a 1 para o Chicago

CHICAGO BULLS

Getty Images
Jogadores do Chicago Bulls comemoram classificação sobre Indiana. Atlanta será o próximo rival


Campanha
: 62 vitórias e 20 derrotas
Playoffs: Vitória por 4 a 1 contra o Indiana Pacers
Quinteto inicial: Derrick Rose, Keith Bogans, Luol Deng, Carlos Boozer e Joakim Noah
Técnico: Tom Thibodeau
Destaque na temporada: Derrick Rose, com médias de 25 pontos, 7,7 assistências e 4,1 rebotes por jogo.
Destaque nos playoffs: Derrick Rose, com médias de 27,6 pontos, 6,2 assistências e 4,6 rebotes por jogo.
Curiosidade: A defesa do Chicago melhorou em relação à temporada regular. A média de pontos sofridos caiu de 91,3 para 90,2 na série contra o Indiana. Em rebotes, roubadas de bola e bloqueios o desempenho também é melhor. No entanto, o Bulls caiu na classificação. A equipe foi a segunda melhor durante o campeonato, mas nos playoffs é apenas a sexta.

ATLANTA HAWKS
Campanha: 44 vitórias e 38 derrotas
Playoffs: Vitória por 4 a 2 sobre o Orlando Magic
Quinteto inicial: Kirk Hinrich, Joe Johnson, Marvin Williams, Josh Smith e Al Horford
Técnico: Larry Drew
Destaque: Joe Johnson, com médias de 18,2 pontos, 4,0 rebotes e 4,7 assistências por jogo.
Destaque nos playoffs: Jamal Crawford, com médias de 20,2 pontos, 1,7 rebote e 2,8 assistências por jogo.
Curiosidade: O Atlanta foi o único no Leste a reverter o mando de quadra. A equipe conseguiu o feito contra o Orlando Magic mesmo tendo o segundo pior ataque entre os times dos playoffs. O Hawks teve média de 86,8 na série contra o time da Flórida, mas fez a média do rival cair 10,5 pontos na pós-temporada

Histórico: Chicago e Indiana se encontraram em séries de playoffs em apenas duas oportunidades e o Bulls levou a melhor nas duas. No total de embates de pós-temporada, o Indiana perde por 8 a 4.

O Bulls busca o sétimo título da história da franquia. Já o Indiana jamais conseguiu ficar com o troféu de campeão da NBA.


Prognóstico: Chicago deve vencer a série em seis jogos, mas o Atlanta tem condições de levar a série até o sétimo. O Bulls encontrou dificuldades contra o Indiana Pacers e o Hawks surpreendeu ao dominar o Orlando Magic. Time de Chicago depende das atuações inspiradas de Derrick Rose, favorito ao prêmio de MVP (melhor jogador da temporada). Já o Atlanta tem um trabalho coletivo mais apurado.

 

(2º) MIAMI HEAT x BOSTON CELTICS (3º)
Confronto direto na temporada: 3 a 1 para o Boston

Getty Images
Miami Heat de LeBron James (de vermelho) e Boston Celtics de Rajon Rondo farão a outra semifinal do Leste


MIAMI HEAT
Campanha: 58 vitórias e 24 derrotas
Nos playoffs: Vitória sobre o Philadelphia 76ers por 4 a 1
Quinteto inicial: Mike Bibby, Dwyane Wade, LeBron James, Chris Bosh e Erick Dampier
Técnico: Erik Spoelstra
Destaque: LeBron James, com médias de 26,7 pontos, 7,5 rebotes e 7,0 assistências por jogo.
Destaque nos playoffs: LeBron James, com médias de 24,2 pontos, 10,6 rebotes e 6,2 assistências por jogo.
Curiosidade: O Miami foi a equipe que menos sofreu pontos nos playoffs. A equipe da Flórida teve média de 86,6 nos playoffs. Outro ponto importante para o Heat foi a divisão entre as principais estrelas. Dwyane Wade e LeBron James foram cestinhas em dois jogos, mas nenhum de forma consecutiva. Chris Bosh foi o maior pontuador do primeiro duelo com o Sixers.

BOSTON CELTICS
Campanha: 56 vitórias e 26 derrotas
Nos playoffs: Vitória por 4 a 0 sobre o New York Knicks
Quinteto inicial: Rajon Rondo, Ray Allen, Paul Pierce, Kevin Garnett e Jermaine O’Neal
Técnico: Doc Rivers
Destaque: Rajon Rondo, com médias de 10,6 pontos, 11,2 assistências e 4,4 rebotes por jogo.
Destaque nos playoffs: Rajon Rondo, com médias de 19 pontos, 12 assistências e 7,3 rebotes por jogo.
Curiosidade: O Boston é a única equipe invicta nos playoffs. O Celtics "varreu" o New York através de uma defesa implacável. O Knicks conseguiu acertar apenas 37% das ações ofensivas contra o atual campeão da Conferência Leste. Outro bom dado sobre o time é o desempenho nos arremessos longos. Com 47,%, a equipe tem o melhor aproveitamento nos tiros de três pontos.

Histórico: Boston e Miami se encontraram apenas uma vez em séries de playoffs. Aconteceu exatamente na temporada passada. O Celtics levou e melhor por 4 a 1 na primeira rodada e depois foi até a decisão.

O Boston tenta ampliar a vantagem no topo da lista dos campeões da NBA. A equipe busca o décimo oitavo título de sua história. Já o rival de Miami procura manter-se vivo na briga pela segunda conquista.

Prognóstico: Boston deve vencer a série mais aguardada e equilibrada desta fase em sete jogos. Embora não tenha o mando de quadra e encare uma equipe mais forte fisicamente, o Celtics tem jogadores mais experientes. A força coletiva, defensiva e o bom trabalho do treinador Doc Rivers podem fazer a diferença contra o trio de astros (LeBron James, Dwyane Wade e Chris Bosh) do Miami.
 

Leia tudo sobre: Boston CelticsAtlanta HawksChicago BullsMiami Heat

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG