Chicago Bulls tenta confirmar favoritismo contra o Atlanta Hawks enquanto Boston Celtics e Miami Heat fazem duelo equilibrado

A temporada 2010/11 da NBA vai chegando ao seu momento decisivo. Restam apenas quatro times na briga pelo título da Conferência Leste. Chicago Bulls joga contra o Atlanta Hawks enquanto o Boston Celtics luta contra o Miami Heat nas semifinais da conferência. Os vencedores farão o confronto que valerá vaga na grande final do campeonato.

Melhor campanha da primeira fase da NBA , o Chicago passou pelo Indiana Pacers na primeira rodada dos playoffs. Embora tenha encontrado muitas dificuldades nas partidas, o Bulls confirmou o favoritismo e passou pelo rival com quatro vitórias em cinco jogos.

O adversário do Bulls será o Atlanta. O Hawks foi o quinto melhor do Leste na primeira fase. A equipe se classificou para encarar o Orlando Magic , quarto colocado. Mesmo com campanha inferior e sem o mando de quadra, a equipe surpreendeu e bateu o rival da Flórida por 4 jogos a 2.

A outra semifinal promete ser bastante equilibrada. Boston e Miami fizeram o jogo de abertura da temporada regular. Após os 82 rodadas, o Heat chegou ao final do campeonato como segundo melhor do Leste e depois passou com facilidade pelo Philadelphia 76ers . Já o Celtics foi o terceiro e "varreu" o New York Knicks na primeira rodada dos playoffs .

Confira abaixo os dois confrontos de semifinal do Leste com detalhes sobre cada um dos quatro times envolvidos na disputa.

(1º) CHICAGO BULLS x ATLANTA HAWKS (5º)
Confronto direto na temporada: 2 a 1 para o Chicago

CHICAGO BULLS

Jogadores do Chicago Bulls comemoram classificação sobre Indiana. Atlanta será o próximo rival
Getty Images
Jogadores do Chicago Bulls comemoram classificação sobre Indiana. Atlanta será o próximo rival


Campanha
: 62 vitórias e 20 derrotas
Playoffs : Vitória por 4 a 1 contra o Indiana Pacers
Quinteto inicial : Derrick Rose, Keith Bogans, Luol Deng, Carlos Boozer e Joakim Noah
Técnico: Tom Thibodeau
Destaque na temporada: Derrick Rose, com médias de 25 pontos, 7,7 assistências e 4,1 rebotes por jogo.
Destaque nos playoffs: Derrick Rose, com médias de 27,6 pontos, 6,2 assistências e 4,6 rebotes por jogo.
Curiosidade: A defesa do Chicago melhorou em relação à temporada regular. A média de pontos sofridos caiu de 91,3 para 90,2 na série contra o Indiana. Em rebotes, roubadas de bola e bloqueios o desempenho também é melhor. No entanto, o Bulls caiu na classificação. A equipe foi a segunda melhor durante o campeonato, mas nos playoffs é apenas a sexta.

ATLANTA HAWKS
Campanha: 44 vitórias e 38 derrotas
Playoffs: Vitória por 4 a 2 sobre o Orlando Magic
Quinteto inicial : Kirk Hinrich, Joe Johnson, Marvin Williams, Josh Smith e Al Horford
Técnico: Larry Drew
Destaque: Joe Johnson, com médias de 18,2 pontos, 4,0 rebotes e 4,7 assistências por jogo.
Destaque nos playoffs: Jamal Crawford, com médias de 20,2 pontos, 1,7 rebote e 2,8 assistências por jogo.
Curiosidade: O Atlanta foi o único no Leste a reverter o mando de quadra. A equipe conseguiu o feito contra o Orlando Magic mesmo tendo o segundo pior ataque entre os times dos playoffs. O Hawks teve média de 86,8 na série contra o time da Flórida, mas fez a média do rival cair 10,5 pontos na pós-temporada

Histórico: Chicago e Indiana se encontraram em séries de playoffs em apenas duas oportunidades e o Bulls levou a melhor nas duas. No total de embates de pós-temporada, o Indiana perde por 8 a 4.

O Bulls busca o sétimo título da história da franquia. Já o Indiana jamais conseguiu ficar com o troféu de campeão da NBA.


Prognóstico: Chicago deve vencer a série em seis jogos, mas o Atlanta tem condições de levar a série até o sétimo. O Bulls encontrou dificuldades contra o Indiana Pacers e o Hawks surpreendeu ao dominar o Orlando Magic. Time de Chicago depende das atuações inspiradas de Derrick Rose, favorito ao prêmio de MVP (melhor jogador da temporada). Já o Atlanta tem um trabalho coletivo mais apurado.

(2º) MIAMI HEAT x BOSTON CELTICS (3º)
Confronto direto na temporada: 3 a 1 para o Boston

Miami Heat de LeBron James (de vermelho) e Boston Celtics de Rajon Rondo farão a outra semifinal do Leste
Getty Images
Miami Heat de LeBron James (de vermelho) e Boston Celtics de Rajon Rondo farão a outra semifinal do Leste


MIAMI HEAT
Campanha: 58 vitórias e 24 derrotas
Nos playoffs: Vitória sobre o Philadelphia 76ers por 4 a 1
Quinteto inicial: Mike Bibby, Dwyane Wade, LeBron James, Chris Bosh e Erick Dampier
Técnico: Erik Spoelstra
Destaque: LeBron James, com médias de 26,7 pontos, 7,5 rebotes e 7,0 assistências por jogo.
Destaque nos playoffs: LeBron James, com médias de 24,2 pontos, 10,6 rebotes e 6,2 assistências por jogo.
Curiosidade: O Miami foi a equipe que menos sofreu pontos nos playoffs. A equipe da Flórida teve média de 86,6 nos playoffs. Outro ponto importante para o Heat foi a divisão entre as principais estrelas. Dwyane Wade e LeBron James foram cestinhas em dois jogos, mas nenhum de forma consecutiva. Chris Bosh foi o maior pontuador do primeiro duelo com o Sixers.

BOSTON CELTICS
Campanha: 56 vitórias e 26 derrotas
Nos playoffs: Vitória por 4 a 0 sobre o New York Knicks
Quinteto inicial: Rajon Rondo, Ray Allen, Paul Pierce, Kevin Garnett e Jermaine O’Neal
Técnico: Doc Rivers
Destaque: Rajon Rondo, com médias de 10,6 pontos, 11,2 assistências e 4,4 rebotes por jogo.
Destaque nos playoffs: Rajon Rondo, com médias de 19 pontos, 12 assistências e 7,3 rebotes por jogo.
Curiosidade: O Boston é a única equipe invicta nos playoffs. O Celtics "varreu" o New York através de uma defesa implacável. O Knicks conseguiu acertar apenas 37% das ações ofensivas contra o atual campeão da Conferência Leste. Outro bom dado sobre o time é o desempenho nos arremessos longos. Com 47,%, a equipe tem o melhor aproveitamento nos tiros de três pontos.

Histórico: Boston e Miami se encontraram apenas uma vez em séries de playoffs. Aconteceu exatamente na temporada passada. O Celtics levou e melhor por 4 a 1 na primeira rodada e depois foi até a decisão.

O Boston tenta ampliar a vantagem no topo da lista dos campeões da NBA. A equipe busca o décimo oitavo título de sua história. Já o rival de Miami procura manter-se vivo na briga pela segunda conquista.

Prognóstico: Boston deve vencer a série mais aguardada e equilibrada desta fase em sete jogos. Embora não tenha o mando de quadra e encare uma equipe mais forte fisicamente, o Celtics tem jogadores mais experientes. A força coletiva, defensiva e o bom trabalho do treinador Doc Rivers podem fazer a diferença contra o trio de astros (LeBron James, Dwyane Wade e Chris Bosh) do Miami.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.