Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Com show da defesa no segundo tempo, Atlanta vence Detroit

Hawks limitou o ataque do Pistons a apenas 28 pontos em toda a segunda metade. Ala Josh Smith foi o destaque dos visitantes

iG São Paulo |

O Atlanta Hawks enfrentou o Detroit Pistons fora de casa nesta segunda-feira e se deu bem. Com excelente desempenho defensivo no segundo tempo, conquistou a vitória por 94 a 79.

Josh Smith teve uma ótima apresentação e foi o principal destaque do Atlanta. O ala foi o cestinha do jogo com 27 pontos ao acertar 11 dos 17 arremessos que disparou em direção à cesta. Chegou ainda ao “double-double” ao pegar 14 rebotes, além de ter roubado três bolas.

O armador Mike Bibby também apareceu bem pelos visitantes ao marcar 17 pontos, distribuir sete assistências e pegar seis rebotes. Já o ala-armador Joe Johnson teve 14 pontos e seis assistências.

O principal pontuador do Detroit no encontro foi o veterano ala Tracy McGrady, que fez 14 pontos – seis deles provenientes de lances livres. O ala-pivô Charlie Villanueva e o ala Austin Daye, ambos vindo do banco de reservas, contribuíram com 13 e 11 pontos, respectivamente.

O ponto-chave da vitória do Hawks foi a defesa, que forçou o Pistons a um desempenho de apenas 38,6% de arremessos convertidos. Além disso, o time da casa foi dominado nos rebotes: capturou somente 26, número bem inferior aos 39 coletados pelo rival.

O Detroit foi melhor no início do confronto. Terminou o primeiro quarto sete pontos à frente (27 a 20) e manteve-se à frente durante boa parte do período seguinte. Isso até os dois minutos finais da metade inicial, pois o Atlanta engatou uma corrida de oito pontos consecutivos e foi para o intervalo liderando por 53 a 51.

Os visitantes deram sequência ao bom momento no retorno dos vestiários, quando anotaram os oito primeiros pontos do terceiro quarto e esticaram a vantagem para a casa dos dois dígitos (61 a 51).

Daí em diante, o Hawks não teve mais sua vitória ameaçada, muito por conta da eficiente defesa imposta sobre o adversário durante a segunda metade. O Pistons fez 17 pontos no terceiro quarto e teve um rendimento ofensivo ainda pior no último período, quando marcou apenas 11 pontos.

A baixa produção no ataque impediu a equipe de Michigan de seguir viva na partida. Melhor para o Atlanta, que confirmou o triunfo e voltou a ganhar após ter perdido os dois compromissos anteriores.

Leia tudo sobre: atlanta hawksdetroit pistonsnba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG