Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Com ataque forte, Dallas leva a melhor sobre o New York em casa

Mavericks abre vantagem confortável logo no início da partida ao fazer 72 pontos nos dois primeiros quartos e vence tranquilamente

iG São Paulo |

O Dallas Mavericks recebeu a visita do New York Knicks nesta quinta-feira e, com show do ataque na primeira metade, conquistou a vitória com tranquilidade por 127 a 109.

Com 23 pontos e nove rebotes, o ala Dirk Nowitzki foi o principal destaque do Dallas. O também ala Shawn Marion colaborou com 22 pontos e oito rebotes. Já o armador Jason Terry saiu do banco para marcar 21 pontos.

A grande figura individual da partida foi o ala-pivô do New York Amar’e Stoudemire, dono de 36 pontos e sete rebotes. A outra estrela da equipe, o ala Carmelo Anthony, somou 18 pontos, dez rebotes e cinco assistências. O armador Toney Douglas, por sua vez, apareceu com 18 pontos e oito assistências.

O New York começou melhor e anotou os seis primeiros pontos da noite. O Dallas só conseguiu sair do zero no placar depois de uma cesta de Dirk Nowitzki, com pouco mais de três minutos jogados. O ataque do time texano demorou para funcionar, mas depois que engrenou, não encontrou respostas da defesa adversária.

Getty Images
Carmelo Anthony foge da marcação de Brendan Haywood e sobe para a cesta

O ótimo aproveitamento nos arremessos fez com que o Mavericks marcasse 31 pontos no primeiro quarto e abrisse vantagem de dois dígitos. Com a boa contribuição do armador reserva Jason Terry, que entrou bem no jogo, a produção ofensiva dos mandantes foi ainda melhor no segundo quarto.

Foram incríveis 72 pontos anotados na primeira metade pelo Dallas, que foi para os vestiários com liderança na casa das duas dezenas (72 a 51). A margem de superioridade atingiu o ápice depois de um lance livre correto do pivô Brendan Haywood, com seis minutos e meio restantes no terceiro quarto, que botou a equipe 26 pontos à frente do Knicks (88 a 62).

A grande atuação de Amar’e Stoudemire, que comandou uma reação dos nova-iorquinos, permitiu que os visitantes sonhassem com a virada no último quarto. Após uma cesta do ala-pivô a quatro minutos do encerramento da disputa, o Knicks cortou a desvantagem para 11 pontos (115 a 104).

Mas a noite era mesmo do Mavericks, que respondeu com nove pontos consecutivos, voltou a abrir duas dezenas sobre o oponente e confirmou a vitória sem sustos.

Leia tudo sobre: dallas mavericksnbanew york knicks

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG