Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Cleveland vence Milwaukee com arremesso no último segundo

Cesta de Mo Williams no estouro do cronômetro garantiu vitória do Cavs; Varejão teve seis pontos e 13 rebotes

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237859759988&_c_=MiGComponente_C

Uma cesta no último segundo de Mo Williams deu a vitória ao Cleveland Cavaliers sobre o Milwaukee Bucks por 82 a 81, jogando dentro de casa. O brasileiro Anderson Varejão anotou apenas seis pontos nos exatos 31:16 minutos em que esteve em quadra, mas apanhou 13 rebotes e ainda deu dois tocos.

Herói do Cavs, Williams foi também o cestinha do jogo com 25 pontos. O outro armador titular da equipe, Anthony Parker, colaborou com 14 pontos para o triunfo da equipe ¿ que interrompeu uma série de três derrotas consecutivas.

Getty Images
Mo Williams em ação contra o Bucks; armador fez a cesta da vitória

O Milwaukee atuou sem o pivô titular Andrew Bogut, que ficou de fora por conta de uma lesão nas costas. O destaque do time foi o armador reserva Keyon Dooling, com 18 pontos e cinco assistências. O ala Luc Richard Mbah a Moute teve dez pontos e nove rebotes.

Os visitantes começaram a partida melhor. Comandaram o jogo na primeira metade, sobretudo no segundo quarto, quando limitaram o ataque do Cavs a apenas 15 pontos. Dessa maneira, foram para os vestiários liderando por 44 a 34.

Mas o Bucks acertou a sua defesa na segunda metade e voltou a equilibrar a partida. Chegou até a passar à frente quando restavam pouco menos de quatro minutos por jogar (79 a 77), depois de uma bandeja de Mbah a Moute.

Williams respondeu com duas cestas consecutivas e voltou a colocar o Cleveland em vantagem. Em seguida, dois lances livres do ala-pivô Drew Gooden fizeram o Milwaukee empatar o confronto em 81 pontos, com cerca de dois minutos e meio no relógio.

O placar seguiu inalterado pelo restante da partida. As duas equipes desperdiçavam todas as oportunidades que apareciam para encestar. Isso até o estouro do cronômetro, quando Williams acertou o arremesso que garantiu o triunfo aos mandantes.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG