Tamanho do texto

Ala-pivô do Miami Heat afirma estar disposto a mostrar ao atleta do Chicago Bulls que também é um grande jogador

O ala-pivô Chris Bosh é um dos grandes responsáveis pela liderança do Miami Heat na série contra o Chicago Bulls. Neste domingo, foi o cestinha do jogo que terminou com vitória do time da Flórida por 95 a 85 ao anotar 34 pontos .

As atuações inspiradas são fruto de uma motivação extra que Bosh encontrou nos últimos dias. Antes do início da série final da Conferência Leste, o ala-pivô do Bulls Carlos Boozer afirmou que o Miami conta com dois grandes jogadores: Dwyane Wade e LeBron James . Ignorado, Bosh quer provar que também é capaz de fazer a diferença pela sua equipe.

“Isso só me ajuda”, disse Bosh sobre a declaração de Boozer. “Eu penso nisso quando estou treinando arremessos. E isso me ajuda a ficar treinando por mais tempo”.

Durante a temporada 2010/11, a primeira do atleta com a camisa do Miami, Bosh registrou médias de 18,7 pontos e 8,3 pontos por partida ao longo da fase classificatória. Nos playoffs, acumula 18,2 pontos e
9,1 rebotes por jogo.

O próximo encontro entre o Miami, de Bosh, e o Chicago, de Boozer, será nesta terça-feira. O Heat lidera a série por 2 a 1 e jogará novamente dentro de casa.