Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Chicago derrota Detroit em casa com show de Derrick Rose

Jovem armador do Bulls somou 29 pontos e sete assistências e comandou a virada do seu time sobre o Pistons no segundo tempo

Luís Araújo, iG São Paulo |

O Chicago Bulls conquistou nesta segunda-feira sua sétima vitória consecutiva como mandante. A equipe venceu o Detroit Pistons no United Center por 95 a 82 comandada por mais uma exibição de gala de Derrick Rose.

O armador foi o cestinha da noite com 29 pontos. Acertou metade dos 20 arremessos que tentou durante os 43 minutos que permaneceu em quadra. Deu ainda sete assistências, pegou cinco rebotes e roubou duas bolas. Além destes números todos, deu uma enterrada espetacular durante o último quarto, ao completar a ponte aérea iniciada com um passe de Ronnie Brewer que parecia ter sido alto demais.

O ala-pivô Carlos Boozer alcançou o “double-double” e também teve grande participação na vitória do Chicago: marcou 27 pontos e pegou 11 rebotes. O ala Luol Deng, por sua vez, contribuiu com 17 pontos, oito rebotes e três roubadas.

Getty Images
Derrick Rose deixa Tracy McGrady para trás e parte para a cesta na partida da NBA
O principal pontuador do Detroit foi o ala Tayshaun Prince, com 15 pontos. O pivô calouro Greg Monroe apareceu bem vindo do banco: dez pontos e 11 rebotes.

O Pistons foi melhor em quadra durante a primeira metade. O ataque não encontrava muita resistência por parte da defesa do Bulls e pontuava sem maiores dificuldades. A equipe de Michigan venceu cada um dos dois primeiros quartos e foi para o intervalo 12 pontos à frente (55 a 43).

A bronca de Tom Thibodeau nos seus comandados nos vestiários deu resultado, pois o Chicago voltou para a segunda metade com uma postura defensiva completamente diferente, limitando o rival a somente 27 pontos durante os dois últimos quartos de jogo.

Os mandantes, aos poucos, foram baixando a diferença em relação ao Detroit no marcador ao longo do terceiro quarto. Conseguiram passar à frente após uma enterrada de Deng (71 a 70), com um minuto e meio restante. Rose anotou os cinco últimos pontos do período e deu ao Bulls seis pontos de liderança (76 a 70).

Completamente dominado pela forte defesa adversária, o Pistons não conseguiu mais voltar a incomodar. Pelo contrário: viu o time local se distanciar cada vez mais e assegurar a vitória diante do seu torcedor sem sustos.

Leia tudo sobre: Chicago BullsDetroit PistonsNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG