Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Chicago bate Dallas e vence mais uma na viagem pelo Oeste

Taj Gibson e Joakim Noah dominaram os rebotes e ajudaram o Bulls a derrotar o Mavericks na casa do adversário

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237859364779&_c_=MiGComponente_C

O Chicago Bulls levou a melhor sobre o Dallas Mavericks nesta sexta-feira. Atuando na casa do adversário, venceu por 88 a 83 e chegou à segunda vitória em três partidas realizadas da Circus Trip.

O armador Derrick Rose teve 22 pontos e seis assistências pelo Chicago. Mas os principais destaques da equipe no jogo foram os dois jogadores de garrafão: o ala-pivô Taj Gibson anotou 17 pontos e pegou 18 rebotes, ao passo que o pivô Joakim Noah somou dez pontos e 17 rebotes.

AP
Dirk Nowitzki é cercado por jogadores do Bulls; alemão fez 36 pontos

O ala Dirk Nowitzki não conseguiu levar o Dallas à vitória, mas teve excelente atuação: o alemão foi o cestinha da partida com 36 pontos e ainda capturou oito rebotes. Além dele, o único atleta do time local que conseguiu pontuar em duplo dígito foi o ala Caron Butler, com 12 pontos.

A grande noite de Gibson e Noah fez com que o Bulls fosse muito superior ao seu adversário nos rebotes: os dois foram responsáveis por 35 dos 59 que a equipe pegou no jogo, contra apenas 34 do Mavericks. Em compensação, os visitantes desperdiçaram 16 posses de bola, enquanto o rival cometeu apenas oito erros ofensivos.

A exemplo do que aconteceu no seu último jogo, na derrota de quarta-feira (17) para o San Antonio Spurs, o Chicago foi melhor na primeira metade de jogo (39 a 35), mas permitiu a virada no retorno dos vestiários. Ao final de três quartos, perdia por 59 a 56.

O confronto seguia completamente indefinido durante o último período. Um arremesso certeiro do reserva Kyle Korver e dois lances livres convertidos por Rose deram ao Bulls quatro pontos de vantagem (83 a 79) com um minuto para o fim. O time manteve a liderança e confirmou a vitória.

O resultado deixa as duas equipes com campanhas idênticas: ambas venceram sete partidas e perderam quatro vezes.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG