Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Carlisle diz que jogadores do Dallas foram 'moles'

Técnico se referia ao comportamento de seus atletas no final do jogo contra o New Orleans, quando o time texano foi derrotado

iG São Paulo |

Rick Carlisle, técnico do Dallas Mavericks, usou o termo "mole" ao se referir à sua equipe, após a derrota fora de casa frente ao New Orleans Hornets, por 93 a 92, nesta quarta-feira (9).

"Sim", afirmou Carlisle. "Moles. Temos que jogar mais duro. Quando você está vencendo por sete pontos a 1:13 minuto do fim do jogo, você tem que finalizar fazendo jogadas. Créditos a eles (Hornets) por terem feito jogadas e nós não".

Getty Images
Rick Carlisle, técnico do Dallas, reclama dos jogadores
O Mavericks entrou no último quarto da partida de ontem contra o Hornets vencendo por 70 a 60. No minuto final da partida, a equipe texana ainda vencia por sete pontos, 92 a 85.

Os donos da casa, porém, conseguiram tomar a frente do placar nesse intervalo, contando com dois erros de lances livres de Dallas, e garantiram sua terceira vitória nos últimos quatro jogos.

Jason Terry, armador e um dos destaques do Mavericks, não gostou das palavras de Carlisle e defendeu o grupo.

"Quem falou isso?", perguntou Terry. "Não sou mole, eu não. Não sei de onde isso saiu, mas não somos moles. Temos que ver em que sentido ele falou isso, mas sei que ele não estava falando isso direcionado especificamente para mim ou para qualquer um de meus companheiros, pois não acho que nenhum de nós seja mole".

O pivô Tyson Chandler retornou ao time após perder três partidas por conta de uma torção no tornozelo direito. A 17,7 segundos do fim ele teve em suas mãos a chance de possivelmente garantir a vitória do Mavs, com dois lances livres, mas errou ambos. Ele disse que não se abateu e que, surgindo uma nova oportunidade, ele acertará.

"Senti-me bem em quadra", afirmou Chandler. "Depois que comecei a me mover, consegui acompanhar o ritmo. Tivemos uma chance de selar a vitória quando eu fui para a linha de lance livre, mas errei os dois e eles foram cruciais. Mas eu não vou fugir na próxima vez e vou acertá-los".

Segundo colocado na Conferência Oeste, o Mavericks fará dois jogos em Dallas nos próximos dias. Nesta quinta-feira, recebe o embalado New York Knicks e, no sábado o confronto direto com o Los Angeles Lakers, que vem na cola, na terceira posição.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG