Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Bulls tenta se aproximar do Spurs, enfrentando time de Leandrinho

Chicago procura ter a melhor campanha da temporada regular, para ter mando de quadra em todas as fases dos playoffs

iG São Paulo |

Leandrinho Barbosa e o Toronto Raptors viajam até Illinois para enfrentar ninguém mais, ninguém menos, que o líder da Conferência Leste, o Chicago Bulls. O time da casa tenta consolidar a liderança da conferência e, ainda, se aproximar do San Antonio Spurs, dono da melhor campanha de toda a liga.

AP
Derrick Rose, forte candidato a MVP
Com 14 vitórias em casa nos últimos 15 jogos, o Bulls tem campanha de 55 vitórias e 20 derrotas, dois jogos e meio à frente do vice-líder do Leste, o Miami Heat. O Spurs, líder do Oeste, tem 57 vitórias e 19 derrotas, mas vive um péssimo momento, tendo perdido suas últimas seis partidas. A melhor campanha na temporada regular garante mando de quadra em todas as fases dos playoffs.

Para conseguir seus objetivos, o Bulls se apoia em Derrick Rose, tido pela maioria esmagadora da opinião pública como principal candidato ao prêmio de MVP. Nos últimos quatro jogos, o armador tem médias de 27,8 pontos e 9,8 assistências por partida. Mesmo jogando contra o Detroit Pistons fora de casa nesta sexta-feira, Rose ouviu gritos de "MVP" da torcida, no ginásio Palace of Auburn Hills. "Nosso futuro está em nossas mãos", disse Rose. "Estamos apenas tentando terminar a temporada de maneira forte".

Além de Rose, o ala-pivô Carlos Boozer, que recentemente se recuperou de contusão no tornozelo, vem sendo uma das principais armas da equipe. Ele fez 22 pontos contra Detroit e recebeu elogios do técnico Tom Thibodeau. "Carlos foi espetacular", disse o treinador. "Quando ele se aproxima da cesta, ele atrai marcação, facilitando a movimentação de Rose, além de poder fazer 'pick'n'rolls' que facilitam nosso ataque".

No já eliminado Toronto, o brasileiro Leandrinho se destaca, mesmo sendo preterido no time titular pelo técnico Jay Triano. Nos últimos dez jogos, mesmo jogando apenas 22 minutos por jogo, suas médias são de 16,6 pontos. Nos últimos quatro jogos, ele fez 14 ou mais pontos em todos.

Ainda no Leste, o Milwaukee Bucks tem a difícil missão de seguir vivo na briga pelos playoffs. Nesta sexta-feira, o time perdeu confronto direto contra o Indiana Pacers, oitavo colocado, e se complicou. Neste sábado, o Bucks recebe o embalado Philadelphia 76ers, que se garantiu matematicamente nos playoffs nesta sexta-feira, ao bater, em casa, o New Jersey Nets. Milwaukee é o décimo colocado, quatro jogos atrás do Pacers, dono da última vaga na pós-temporada.

Getty Images
Grizzlies está perto de ir aos playoffs pela primeira vez desde 2006

Na acirrada Conferência Oeste, o Memphis Grizzlies pode dar um passo importante para se manter na oitava posição. Com três vitórias seguidas, o time do Tennessee recebe o lanterna da conferência, o Minnesota Timberwolves. A vitória se torna importante não apenas para fugir da perseguição do nono colocado Houston Rockets, três jogos atrás, mas também pode significar uma aproximação do sexto colocado, Portland Trail Blazers. Isso se deve ao equilíbrio do Oeste, onde o Blazers tem apenas um jogo de vantagem em relação ao sétimo colocado, New Orleans Hornets, e ao oitavo, o Grizzlies.

O Dallas Mavericks visita o Golden State Warriors, tentando se manter na terceira posição do Oeste. Bem na sua cola está o Oklahoma City Thunder, três jogos atrás, que também viaja à Califórnia, onde visita o Los Angeles Clippers. Warriors e Clippers estão ambos eliminados da briga por playoffs do Oeste.

A rodada completa da NBA neste sábado, com horários de Brasília:

Chicago x Toronto (21h)
Memphis x Minnesota (21h)
Milwaukee x Philadelphia (21h30)
Golden State x Dallas (23h30)
Clippers x Oklahoma City (23h30)

Leia tudo sobre: nbabullsgrizzliesleandrinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG