Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Boston despacha Minnesota em partida decidida nos segundos finais

Mesmo atuando dentro de casa, Celtics só pôde comemorar a vitória após arremesso errado de Michael Beasley no estouro do relógio

iG São Paulo |

O Boston Celtics teve dificuldades diante do Minnesota Timberwolves nesta segunda-feira. A equipe, que atuava dentro de casa, estava atrás no marcador ao final do terceiro quarto, mas conseguiu a virada nos minutos finais e conquistou a vitória por 96 a 93.

O ala Paul Pierce foi o cestinha do jogo com 23 pontos e ainda pegou seis rebotes. Quem também apareceu bem pelo Boston foi o ala-armador Ray Allen, que acertou quatro bolas de longa distância e marcou 20 pontos. Já o armador Rajon Rondo fez somente seis pontos, mas distribuiu 16 assistências.

O Minnesota teve cinco jogadores com pontuação de dois dígitos. O principal deles foi o ala Michael Beasley, que fez 19. Mas o grande destaque da equipe foi Kevin Love. O ala-pivô anotou 12 pontos e pegou 24 rebotes – recorde de um jogador na história do ginásio TD Garden.

De maneira surpreendente, o Timberwolves assumiu o controle da partida no início. A marcação mostrava-se muito eficiente, dificultando bastante a ação ofensiva do Boston. Os visitantes encerraram o primeiro quarto com oito pontos de superioridade (25 a 17).

AP
Paul Pierce comemora vitória do Celtics dentro de casa sobre o Timberwolves
O Celtics reagiu no segundo quarto e chegou a passar dois pontos à frente (35 a 33) quando restavam pouco mais de quatro minutos para o intervalo, após uma bandeja de Shaquille O’Neal. Mas o Minnesota voltou a surpreender: conseguiu retomar a ponta do placar e foi para os vestiários ganhando por 47 a 43.

Os mandantes seguiram perseguindo o oponente durante toda a segunda metade. Mesmo mantendo-se muito próximo da igualdade, não conseguiam roubar a liderança das mãos do Timberwolves.

A preocupação dos torcedores no TD Garden durou até os instantes finais. Uma cesta de Rondo seguida de dois lances livres certeiros de Glen Davis fizeram com que o Boston finalmente passasse à frente (93 a 89), quando o relógio indicava apenas mais um minuto para o encerramento da partida.

Os três pontos de distância foram mantidos até os segundos finais. Perdendo por 96 a 93, o Minnesota ainda teve uma chance de empatar e mandar o jogo para a prorrogação. Mas o arremesso de Beasley não entrou, para alívio da torcida local.

Leia tudo sobre: Boston CelticsMinnesota TimberwolvesNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG