Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Boston bate Detroit, mas Shaquille O'Neal volta a se lesionar

Veterano pivô machuca a panturrilha logo no início do segundo quarto e deixa a quadra após somente cinco minutos e meio de ação

iG São Paulo |

Dentro de casa, o Boston Celtics levou a melhor sobre o Detroit Pistons neste domingo e venceu por 101 a 90. A vitória mantém a equipe de Massachusetts colada ao Miami Heat na briga pela vice-liderança da Conferência Leste. Apesar do resultado positivo, a torcida que compareceu ao TD Garden deixou o ginásio preocupada, pois o pivô Shaquille O’Neal, que voltou ao time nesta noite, se lesionou novamente.

Depois de mais de dois meses afastado por conta de uma inflamação no calcanhar direito, o Shaq fazia seu retorno ao Celtics. Entrou em quadra no final do primeiro quarto sob muitos aplausos. No entanto, saiu logo no princípio do segundo período após sofrer uma lesão na panturrilha. Ficou em quadra por apenas cinco minutos e meio e anotou seis pontos.

Quem liderou o triunfo do Boston foi o ala-pivô Kevin Garnett, cestinha do jogo com 23 pontos e que ainda pegou oito rebotes. O ala Paul Pierce contribuiu com 22 pontos e seis rebotes. Já o armador Rajon Rondo fez somente quatro pontos, mas destacou-se ao distribuir 14 assistências.

O principal anotador do Detroit foi o armador Will Bynum, com 20 pontos. Seu companheiro de armação, Richard Hamilton, anotou 14 pontos e deu cinco assistências. O ala-pivô calouro Greg Monroe somou 11 pontos, cinco rebotes e cinco assistências.

Os atletas da equipe da casa demonstraram pontaria muito calibrada, registrando ótimo aproveitamento nos arremessos: 64,1%. A vitória poderia ter sido conquistada com mais facilidade se não fossem os 19 desperdícios de posse de bola.

Houve bastante equilíbrio no começo do confronto. O primeiro quarto terminou com vitória parcial do Detroit por 29 a 26. As equipes seguiram bem próximas no marcador até o Boston abrir 49 a 39 no placar restando dois minutos para o intervalo, após engatar uma corrida de 11 pontos consecutivos.

O Pistons marcou os nove últimos pontos da metade inicial e foi para os vestiários perdendo por somente um ponto (49 a 48). Com a cesta de Greg Monroe logo na posse de bola que inaugurou a segunda metade, passou à frente (50 a 49). Nos minutos seguintes, os times trocaram cestas e se revezaram algumas vezes na liderança.

Com um ótimo desempenho defensivo, o Celtics assumiu o controle das ações nos cinco minutos finais do terceiro quarto. Engatou uma corrida de 15 pontos a dois e disparou no marcador. Entrou no último período ganhando por 82 a 66 e não permitiu que o rival voltasse a se aproximar de maneira ameaçadora.

O próximo compromisso dos dois times será na terça-feira. O Boston vai encarar o Philadelphia 76ers dentro de casa, enquanto o Detroit visitará o Washington Wizards.

Leia tudo sobre: detroit pistonsnbaboston celtics

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG