Time catalão vence pela segunda vez em casa e só precisa de mais um triunfo para conquistar seu 13º título da competição

O Barcelona está muito próximo de ser campeão da liga ACB pela 13ª vez. Os catalães fizeram jus ao seu mando de quadra e derrotaram o Bilbao por 74 a 67, abrindo 2 a 0 na série melhor-de-cinco que decide o título da competição.

Agora, a equipe de melhor campanha da fase de classificação viaja para o país basco disputar os próximos dois jogos do confronto sem o risco de perder a vantagem de decidir o troféu na Catalunha.

O destaque do Barcelona foi o ala-armador Juan Carlos Navarro, que anotou 20 pontos e deu quatro assistências. O ala Joe Ingles saiu do banco de reservas para contribuir com 10 pontos em 17 minutos de ação.

O ala-pivô Erazem Lorbek, principal jogador da equipe catalã na primeira vitória da série , não repetiu a grande atuação da última quinta-feira, mas ajudou com nove pontos e cinco rebotes.

Pelo lado do Bilbao, os cestinhas foram o ala Konstantinos Vasileiadis e o armador Janis Blums, com 15 pontos cada. Além deles, o ala Álex Mumbrú também anotou dígitos duplos de pontuação (12 pontos).

O jogo

Diferente do primeiro confronto, o Barcelona encontrou mais dificuldades para enfrentar a defesa basca no primeiro período. A forte marcação das duas equipes travou o placar e, com cinco minutos jogados, os times só haviam conseguido anotar cinco pontos cada.

Com as defesas ditando o ritmo do jogo, o fator casa e a maior qualidade técnica dos catalães pesaram e o Barcelona terminou o primeiro período com vantagem de 14 a 11.

A marcação forte, porém, parou no primeiro quarto. O segundo quarto foi dominado pelos ataques e, mais uma vez, o talento da equipe local pesou. Com três bolas de três pontos convertidas em sequência por Navarro, Ingles e o ala Alan Anderson, o Barcelona elevou a diferença para dígitos duplos.

Administrando a boa vantagem nos últimos dois minutos, o time da casa foi para o intervalo com triunfo por 40 a 31. A vantagem dos catalães vinha exclusivamente da diferença abissal entre os aproveitamentos de arremessos de quadra dos times: 54% de acerto do Barcelona, incluindo cinco bolas de três pontos, contra 36% do Bilbao.

O Bilbao pareceu retornar dos vestiários melhor ao impedir cestas nos primeiros três ataques da equipe da casa e derrubar a desvantagem para seis pontos. No entanto, foi só uma impressão.

Tomando os sete pontos seguintes do terceiro quarto e sem conseguir ficar menos do que dez pontos atrás do Barcelona pelo restante do período, os visitantes foram para os 12 minutos decisivos de jogo atrás por 54 a 40.

Como na primeira partida, os catalães relaxaram no último período e permitiram que o Bilbao tivesse menos trabalho. No entanto, desta vez, a reação do oponente ameaçou o resultado do jogo. Com duas cestas de três pontos seguidas de Vasileiadis, os bascos chegaram a estar perdendo por apenas quatro pontos (64 a 60).

A inesperada pressão dos visitantes fez com que o Barcelona “acordasse” e a resposta veio também por meio de duas bolas de longa distância. À Navarro e Lorbek, os dois líderes da equipe, coube o trabalho de fazer as cestas que acabaria com a reação do Bilbao.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.