Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Atlanta passa aperto no fim, mas consegue vitória sobre Orlando

Jogando em casa, Hawks freia reação de Orlando no último quarto e vence confronto que se repetirá nos playoffs

iG São Paulo |

No duelo que muito provavelmente se repetirá na primeira fase dos playoffs da Conferência Leste, o Atlanta Hawks derrotou o Orlando Magic, por 85 a 82. Atlanta, que venceu a terceira seguida, é o quinto colocado da conferência, enquanto Orlando, seu rival de divisão, vem logo acima, em quarto. Poucas são as chances de essas posições se alterarem.

O cestinha do embate foi Smith, do Hawks, com 26 pontos. Seu companheiro Joe Johnson fez 18. No Magic, Nelson liderou com 20 pontos, seguido de Turkoglu e Howard, com 17 pontos cada, ainda contando com 13 rebotes do pivô.

Orlando se manteve à frente no marcador por quase todo o primeiro quarto. O time visitante mostrou muita força no jogo de garrafão, tanto na defesa, quanto no ataque. Porém, usando a velocidade de seus alas, o Hawks conseguiu tomar a dianteira no final do período.

Marvin Williams, mesmo vindo do banco, foi um dos responsáveis pela virada, anotando oito pontos. Hedo Turkoglu, com a mão calibrada e cavando faltas no garrafão adversário, liderou Orlando, também com oito.

Os visitantes voltaram ligados para o segundo quarto e conseguiram não apenas retomar a liderança, mas abrir vantagem, fazendo 9 a 2 nos primeiros quatro minutos e liderando por 34 a 29. Dwight Howard, que passou em branco no primeiro quarto, fez sete destes nove pontos.

Porém, Josh Smith trouxe o time da casa de volta ao jogo: com 11 pontos na metade final do quarto (contando com imponentes enterradas), Atlanta rapidamente se viu liderando novamente. Howard foi anulado por Jason Collins e, ainda, pecou na linha do lance livre. Atlanta teve a vida facilitada para se manter à frente, 46 a 43, ao fim do primeiro tempo.

O equilíbrio voltou a imperar no terceiro quarto. Orlando, com cinco pontos rápidos de Jameer Nelson, empatou o jogo em 48. Nenhuma das equipes conseguiu abrir uma vantagem considerável no marcador. O empate persistia. Mas, com duas cestas de três seguidas nos minutos finais, o Hawks se animou e pôde fazer 14 a 6, indo para o último quarto vencendo por 69 a 61, a maior vantagem do jogo.

Mesmo começando o último quarto com quatro faltas, Howard foi o fiel da balança para Orlando. O pivô anotou oito pontos no período. Atlanta viu a boa vantagem adquirida no quarto anterior evaporar, sem conseguir colocar a bola na cesta no ataque.

Chegando no minuto final, Orlando corta para dois pontos a desvantagem, 84 a 82. Mas a defesa dos anfitriões apareceu na hora certa, impedindo a cesta do empate a cinco segundos do fim. Collins garantiu o rebote, sofreu a falta e selou a vitória no lance livre.

Leia tudo sobre: orlando magicnbaatlanta hawks

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG