Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Atlanta bate Nets em casa e garante vaga nos playoffs

Hawks conseguiu triunfo com primeiro tempo arrasador. Indiana é superado pelo Detroit e se complica na briga por vaga

iG São Paulo |

O Atlanta Hawks está garantido nos playoffs desta temporada. Jogando em casa e com um primeiro tempo arrasador, a equipe não tomou conhecimento do New Jersey Nets e venceu por 98 a 87. O triunfo foi o 41º na temporada e garantiu o time na fase decisiva do campeonato.

Agora, o Atlanta não pode mais ser superado pelo Milwaukee Bucks e pelo Charlotte Bobcats. Ainda que vençam todas as partidas até o final da temporada, as duas equipes não conseguiriam mais igualar a marca alcançada pelo Hawks com o triunfo sobre o Nets.

AP
Kirk Hinrich tenta a bandeija cercado por três rivais
Para conseguir a vaga, o Atlanta contou com ótima atuação no primeiro tempo. Forte na defesa, os donos da casa permitiram apenas 31 pontos e aproveitamento de apenas 36% das ações ofensivas ao New Jersey. Com isso, o Hawks conseguiu 26 pontos de vantagem ao final dos dois quartos iniciais.

O grande nome do confronto deste sábado foi pivô Al Horford. O jogador fechou a partida com um "double-double". Foram 23 pontos e 12 rebotes para ele. No entanto, o cestinha do duelo foi do Nets. O armador Anthony Morrow marcou 25 pontos que não foram suficientes para evitar o 49º revés da equipe na temporada

O jogo

O Atlanta começou arrasador. Forçando a defesa, o Hawks abriu boa vantagem logo no principio do duelo. Com apenas quatro minutos, os donos da casa já tinham dez pontos de vantagem: 12 a 2. Errando muito no ataque (11% de acerto nos arremessos) e sem marcar por cinco minutos, o New Jersey viu a diferença chegar a 17 ainda no primeiro quarto: 32 a 15.

A facilidade encontrada pelo Atlanta no primeiro quarto se repetiu no começo do segundo. Com aproveitamento ofensivo acima de 60%, os anfitriões ampliaram a vantagem para a casa de 20 pontos. O jogo ficou mais equilibrado no restante do período, mas o Hawks fechou a metade inicial com 57 a 31 no placar.

Apesar do equilíbrio, o Atlanta conseguiu ampliar a vantagem para 30 pontos logo no começo do segundo tempo. O Nets se recuperou e conseguiu liderar o terceiro período. No entanto, a vitória por 30 a 25 no quarto foi capaz de reduzir a desvantagem apenas para 21 pontos (82 a 61) antes dos 12 minutos finais.

A melhora do New Jersey persistiu no começo do último quarto. Os visitantes reduziram a desvantagem para 16 pontos e obrigaram o treinador Larry Drew do Atlanta a pedir tempo. A parada não deu resultado e o Nets colocou a diferença entre as equipes em apenas dez pontos.

O Atlanta voltou para o jogo após novo pedido de tempo de Drew. Aproveitando melhor os ataques, o Hawks recuperou o conforto no marcador. O New Jersey ameaçou nova reação ao trazer a diferença para 11 pontos. No entanto, já não havia mais tempo para a virada.

 

Indiana perde e se complica

A situação do Indiana Pacers se complicou na temporada. Jogando fora de casa, a equipe foi derrotada por 100 a 88 pelo Detroit Pistons e agora vê ameaçada pelo Charlotte Bobcats a sua posição na zona de classificação para os playoffs da Conferência Leste.

Foi a 42ª derrota do Pacers no campeonato. O revés foi o segundo consecutivo. Com isso, o time de Indiana segue estacionado nas 32 vitórias. Embora siga na oitava posição do Leste, a equipe agora tem apenas dois triunfos de vantagem para o Charlotte Bobcats que bateu o New York Knicks por 114 a 106.

O grande responsável pelo revés do Indiana foi Richard Hamilton. O jogador do Detroit foi o cestinha do jogo e colaborou para a 26ª vitória da equipe na temporada. Com o desempenho do ala-armador, o Pistons quebrou uma série de três derrotas seguidas.

Pelo lado do Indiana, o principal nome foi o reserva Brandon Rush. O armador saiu do banco de reserva para anotar 19 pontos e tornar-se o cestinha do Pacers na partida.
 

Leia tudo sobre: Atlanta HawksDetroit PistonsIndiana Pacers

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG