Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Após prorrogação, Utah Jazz vence Sacramento Kings

Em jogo bastante equilibrado, time de Salt Lake City sofreu mas conseguiu vencer e espantar possível zebra

iG São Paulo |

O Utah Jazz sofreu mas não deu chance para o azar. Jogando em casa, o time de Salt Lake City precisou de uma prorrogação para confirmar o favoritismo e vencer o Sacramento Kings por 109 a 102 na noite deste sábado.

Com boa atuação de Al Jefferson que anotou 27 pontos, o Utah conseguiu a 33ª vitória em 63 jogos na temporada. O desempenho mantém a equipe viva na briga por uma vaga nos playoffs da Conferência Oeste. O time de Salt Lake City ocupa o décimo lugar.

Já o Sacramento segue com uma campanha bastante irregular. A derrota na noite deste sábado foi o 45º na temporada e o segundo de forma consecutiva. O Kings venceu apenas 15 jogos até o momento no campeonato e ocupa a penúltima posição no oeste.

O jogo

AP
Paul Millsap e Andrei Kirilenko tentam bloquear e Marcus Thornton
O Utah Jazz fez valer o fator casa e dominou o primeiro tempo com tranquilidade. Após o primeiro quarto equilibrado, o time de Salt Lake City melhorou no segundo período e passou o quarto no controle do placar. Com Millsap somando 12 pontos e sete rebotes para comandar a equipe, o Jazz foi para o intervalo com 57 a 49 sobre o Sacramento.

O Sacramento voltou melhor no começo do segundo tempo. A agressividade na defesa fez o ataque do Utah parar de funcionar. Foram apenas 15 pontos para o Jazz no período. Com isso, o Kings aproveitou para empatar o duelo em 70.

A reação do Sacramento seguiu no começo do quarto decisivo do confronto. O Kings virou o placar e chegou a abrir nove pontos de vantagem nos quatro minutos iniciais. No entanto, o Utah reagiu e virou o jogo quando o relógio marcava quatro minutos para o fim.

O equilíbrio persistiu e as duas equipes chegaram ao minuto final separadas por um ponto (91 a 90 para o Utah). O Jazz abriu três pontos de vantagem, mas Marcus Thornton empatou. Cada equipe ainda teve uma chance nos últimos dez segundos, mas o jogo foi para a prorrogação.

O Sacramento começou bem o tempo-extra. A equipe abriu a prorrogação com um tiro de três pontos certeiro de Francisco Garcia. No entanto, o Kings apresentou dificuldade para pontuar especialmente nos dois minutos finais quando conseguiu marcar apenas dois.
Raja Bell apareceu e decidiu para o Utah. O jogador anotou duas cestas no minuto final da prorrogação e jogou a vantagem dos donos da casa para cinco pontos. Sem tempo, o Sacramento não conseguiu reagir.
 

Leia tudo sobre: Utah JazzPaul MillsapSacramento Kings

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG