Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Após 20 anos, Orlando volta a ser palco do "All-Star Game"

Edição de 1992 teve show de Magic Johnson em rara vitória do Oeste. Veja mais curiosidades sobre o evento, que chega à 61ª edição

Luís Araújo, iG São Paulo |

Em 1992, Orlando foi palco de uma das edições mais marcantes do "All-Star Game" da NBA. Além de a vitória por 40 pontos de diferença (153 a 113) do Oeste sobre o Leste ter representado a maior lavada da história do evento, ela foi comandada pelos 25 pontos e nove assistências de Magic Johnson – que havia revelado ao mundo ser portador do vírus HIV três meses antes.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Após 20 anos, a cidade de Orlando volta a receber o "All-Star Game". A edição deste ano será a 61ª da história. E ao contrário do que o episódio de 1992 sugere, os resultados nos 60 confrontos realizados até o momento apontam ampla superioridade do Leste, que contabiliza 36 vitórias, contra apenas 24 do Oeste.

Leia mais sobre basquete no blog do Fábio Sormani

A diferença de vitórias entre os selecionados das duas conferências era ainda maior até o último ano, quando Kobe Bryant se inspirou pelo fato de jogar em casa, em Los Angeles, e comandou o triunfo do Oeste por 148 a 143. O craque do Lakers acabou sendo eleito o MVP (melhor jogador) do evento pela quarta vez e se igualou a Bob Pettit como o jogador que mais vezes faturou o troféu.

Veja abaixo mais algumas curiosidades e números da história do "All-Star Game":

- O "All-Star Game" deste ano conta com seis jogadores estreantes, sendo três de cada conferência: Andrew Bynum (Los Angeles Lakers), LaMarcus Aldridge (Portland Trail Blazers) e Marc Gasol (Memphis Grizzlies) pelo Oeste; Luol Deng (Chicago Bulls), Roy Hibbert (Indiana Pacers) e Andre Iguodala (Phialdelphia 76ers) pelo Leste.

- LeBron James, atualmente no Miami Heat, é o jogador mais jovem a conquistar o prêmio de MVP do evento. Ele tinha apenas 21 anos e 51 dias quando registrou 29 pontos e seis rebotes e conduziu o Leste à vitória por 122 a 120 em 2006, época em que ainda defendia o Cleveland Cavaliers.

Getty Images
LeBron James fez 'triple-double' em 2011
- LeBron é um dos dois únicos jogadores que anotaram “triple-double” na história. Em 2011, ele somou 29 pontos, 12 rebotes e 11 assistências, mas não impediu que Kobe Bryant fosse eleito o melhor jogador da partida. O outro atleta que registrou tal façanha foi Michael Jordan, que anotou 14 pontos, pegou 11 rebotes e deu 11 assistências em 1997. A exemplo de LeBron, o ídolo do Chicago Bulls não faturou o troféu de MVP daquele ano, que acabou ficando com Glen Rice.

- Jordan é o maior cestinha da história do evento, com 262 pontos ao longo de 14 partidas disputadas. Mas o dono da melhor média de pontos por jogo é LeBron James: 24,4.

- Wilt Chamberlain é o recordista de pontos em uma única partida do “All-Star Game”. Ele marcou 42 na edição de 1962, mas não conseguiu evitar o revés do Leste por 150 a 130. Por este motivo, o prêmio de MVP ficou com Bob Pettit – destaque do Oeste.

- Pettit registrou um outro recorde no “All-Star Game” de 1962. Ele estabeleceu a maior marca de rebotes apanhados em uma única partida com os 27 que pegou naquela oportunidade.

- O recorde de assistências em um único jogo pertence a Magic Johnson, que distribuiu 22 no embate de 1984. Contudo, seu desempenho não foi suficiente para impedir a derrota do Oeste na prorrogação por 154 a 145.

- Dos jogadores ainda em atividade, Kobe Bryant e Kevin Garnett são os que mais vezes participaram do “All-Star Game”. O ala-armador do Los Angeles Lakers e o ala-pivô do Boston Celtics – deixado de fora neste ano – foram chamados 14 vezes cada um.

Getty Images
Kareem Abdul-Jabbar e Michael Jordan no 'All-Star Game' de 1989
- O jogador que mais vezes foi selecionado para o "All-Star Game" em todos os tempos é Kareem Abdul-Jabbar. O ex-pivô de Milwaukee Bucks e Los Angeles Lakers foi chamado 19 vezes e atuou em 18 oportunidades.

- O Chicago Bulls será representado em Orlando por Derrick Rose, Luol Deng e pelo técnico Tom Thibodeau. A última vez que a franquia teve três integrantes fazendo parte do evento foi em 1996, quando Michael Jordan, Scottie Pippen e o treinador Phil Jackson foram convocados para integrar o time do Leste.

- O Golden State Warriors é o time que está há mais tempo sem contar com um jogador no “All-Star Game”. A última vez que isso ocorreu foi em 1997, quando Latrell Sprewell fez parte do selecionado da Conferência Oeste.

- O ala-pivô Blake Griffin é o primeiro jogador do Los Angeles Clippers em mais de 30 anos a aparecer no quinteto inicial da Conferência Oeste. O último representante da equipe a ser selecionado entre os titulares no “All-Star Game” foi o armador World B. Free, em 1980.

Leia tudo sobre: basquetenbaall-star game

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG