Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Agente diz que Mike D'Antoni quer continuar a frente do New York

Segundo Warren LeGarie, treinador reconstruiu a franquia e devolveu-a aos playoffs. Contrato dura mais uma temporada

iG São Paulo |

Getty Images
Mike D'Antoni, treinador do New York Knicks
A decisão de Donnie Walsh em não seguir como presidente do New York Knicks não irá interferir no futuro do técnico Mike D’Antoni. Walsh, que presidiu a franquia nova-iorquina por quatro temporadas, foi o responsável pela contratação de D’Antoni.

“Esse é o time que ele quer treinar”, disse Warren LeGarie, agente do treinador. “Ele passou as duas últimas temporadas arrumando o time, não apenas para melhorar o recorde da franquia, mas também para colocá-la nos playoffs. Portanto, ele quer ficar aqui pelo tempo que a franquia o desejar”.

A próxima temporada será a última dos quatros anos de contrato que D’Antoni firmou com o Knicks. Por ela ele vai receber US$ 6 milhões (pouco menos de R$ 9,5 milhões). Ao final dela ele vai saber se a franquia o quer no comando do time.

Depois de ficar nove anos com recorde negativo na fase de classificação e seis sem se classificar para os playoffs, o Knicks voltou a ter uma campanha vitoriosa e apareceu novamente na fase decisiva do campeonato.

Nesta temporada, durante a fase de classificação a equipe da “Big Apple” somou 42 vitórias e 40 derrotas (51,2%). Nos playoffs, caiu na primeira rodada ao ser “varrido” pelo Boston Celtics (4 a 0).


 

Leia tudo sobre: Mike D'AntoniNew York KnicksWarren LaGarie

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG