Nas duas vezes em que Heat e Spurs duelaram na fase de classificação, um dos dois preservou os principais jogadores. Time de Miami venceu ambos os jogos

Duncan, Ginobili e Parker: Spurs não contou com trio contra o Heat em Miami
AP
Duncan, Ginobili e Parker: Spurs não contou com trio contra o Heat em Miami

Miami Heat e San Antonio Spurs começam a decidir o título da temporada 2012/13 da NBA nesta quinta-feira. O jogo de abertura da final será o primeiro confronto direto entre as duas equipes em que ambas terão força máxima em quadra. Nas duas vezes em que se enfrentaram durante a fase de classificação, um dos dois times resolveu preservar os principais jogadores.

Quem será o campeão da NBA em 2013: Heat ou Spurs? Deixe seu palpite

O primeiro encontro aconteceu em 29 de novembro de 2012. Aquele jogo em Miami era o último de uma série de seis compromissos consecutivos do Spurs como visitante, além de ser o quarto disputado em um intervalo de cinco dias. Por essa razão, o treinador Gregg Popovich decidiu não utilizar quatro dos principais jogadores do elenco: o ala-pivô Tim Duncan, os ala-armadores Manu Ginobili e Danny Green e o armador Tony Parker.

Tiago Splitter: Com pivô do Spurs, NBA volta a ter brasileiro na decisão após seis anos

A situação sugeria um atropelamento do Heat, mas não foi isso o que aconteceu. O time da casa até saiu de quadra com a vitória por 105 a 100, mas precisou de uma sequência em que anotou 12 dos últimos 14 pontos da partida para virar no fim.

Análise: Jogo no garrafão e bolas de três podem definir final entre Spurs e Heat

Relembre os últimos campeões da NBA

Final da NBA: Heat leva vantagem sobre Spurs na decisão. Veja o raio-X da série

Apesar do equilíbrio do jogo, a NBA multou o Spurs em US$ 250 mil . O comissário da liga, David Stern, classificou a decisão de Popovich como “inaceitável”, visto que a partida foi transmitida pela televisão nos EUA.

Veja ainda: Jason Kidd se aposenta após 19 anos com ouro olímpico e título da NBA

“Teria sido ótimo se a gente tivesse vencido”, disse o pivô Matt Bonner após o jogo. “Nós acreditamos em todos os jogadores do nosso elenco. Acreditamos que temos um dos times mais profundos da liga”, completou.

O cenário foi semelhante no jogo do dia 31 de março, disputado em San Antonio. Desta vez, porém, quem não escalou força máxima foi o Heat. Com a classificação para os playoffs já assegurada e vantagem folgada na liderança da Conferência Leste, o time de Miami entrou em quadra sem dois astros: o ala LeBron James e o ala-armador Dwyane Wade. Ambos vinham de lesão, e o técnico Erick Spoelstra achou melhor preservá-los. Outro titular que ficou de fora pelo mesmo motivo foi o armador Mario Chalmers.

E mais: Revelação na Espanha, Lucas Bebê se vê “mais maduro” para Draft da NBA

Chris Bosh brilhou na vitória em San Antonio
Darren Abate/AP
Chris Bosh brilhou na vitória em San Antonio

Apesar de todos os desfalques, o Heat ficou com a vitória. Graças à atuação da estrela que foi mantida no time: o ala-pivô Chris Bosh, que marcou 23 pontos, pegou nove rebotes e fez a cesta de três nos segundos finais que deu aos visitantes a liderança no marcador.

“Não importa quem entra em quadra, nós somos os atuais campeões”, afirmou Bosh, após a vitória em San Antonio. “Nós ainda somos o Miami Heat. Nós acreditamos em nós mesmos. Todos os jogadores aqui são profissionais. Nós já exercemos papeis maiores em outras cidades, mas aceitamos diminuir um pouco isso para conquistarmos o título aqui. Nós ainda conseguimos fazer isso”, concluiu.

A decisão deste ano é a primeira entre as duas equipes. O Miami Heat já comemorou dois títulos da NBA – em 2006 e em 2012 – e foi vice-campeão em 2011. Já o San Antonio Spurs foi campeão em todas as outras quatro vezes em que chegou à final: 1999, 2003, 2005 e 2007.

Calendário das finais:

Jogo 1 – dia 06/06 (quinta-feira), em Miami, às 22h*
Jogo 2 – dia 09/06 (domingo), em Miami, às 21h*
Jogo 3 – dia 11/06 (terça-feira), em San Antonio, às 22h*
Jogo 4 – dia 13/06 (quinta-feira), em San Antonio, às 22h*
Jogo 5 – dia 16/06 (domingo), em San Antonio, às 21h*
Jogo 6 – dia 18/06 (terça-feira), em Miami, às 22h*
Jogo 7 – dia 20/06 (quinta-feira), em Miami, às 22h*

*Horários de Brasília

    Leia tudo sobre: NBA
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.