Pivô da NBA assume que é gay para revista americana

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Jason Collins, pivô do Washington Wizards, será capa da Sports Illustrated, na qual assume ser homossexual. É o primeiro atleta de uma grande liga americana que se declara gay

Reprodução/Sports Illustrated
Capa da revista Sports Illutrated, que traz foto do pivô Jason Collins, que assumiu ser gay

Aos 34 anos, o pivô Jason Collins, do Washington Wizards, acabou de completar sua 12ª temporada na NBA. Desde 2000/01 na liga profissional, sempre teve números modestos, com passagens pelo New Jersey Nets, Memphis Grizzlies, Atlanta Hwaks e Boston Celtics. Nesta segunda-feira, porém, Collins alcançou uma notoriedade que sua pífia média de 1,1 ponto por jogo e 1,6 rebote por partida nesta última temporada não lhe deram: ele assumiu a condição de homossexual para a revista americana "Sports Illustrated".

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Sou um pivô da NBA de 34 anos. Sou negro. E sou gay", disse Collins em seu depoimento à revista, que irá às bancas no próximo dia 6 de maio, mas que já destacou em seu site a reportagem com o jogador do Wizards saindo do armário. Trata-se do primeiro atleta de uma grande liga americana que assumiu sua homosexualidade.

Veja também: San Antonio Spurs 'varre' o esfacelado Los Angeles Lakers na NBA

"Não tive a intenção de ser o primeiro atleta assumidamente gay atuando em uma liga principal esportiva americana. Mas desde que isso ocorreu, estou feliz por iniciar esse diálogo", disse Collins, que após essa temporada tornou-se agente livre e poderá negociar seu próximo contrato com qualquer equipe da NBA.

Confira outros atletas que também saíram do armário:

Thomas Hitzlsperger jogou na seleção da Alemanha e assumiu que é gay. Foto: GettyGareth Thomas é recordista de partidas na seleção de rúgbi de País de Gales. Assumiu a homossexualidade em 2009. Foto: Getty ImagesAnton Hysen assumiu ser gay em março deste ano. Foto: ReproduçãoMichael Sam, jogador de futebol americano. Foto: Getty ImagesFashanu foi o 1º jogador de futebol inglês gay a se assumir. Foto: Getty ImagesGreg Louganis ganhou cinco medalhas olímpicas nos saltos ornamentais. Assumiu ser gay e que contraiu o vírus HIV na década de 90. Foto: Getty ImagesKevin Grayson admitiu a homossexualidade em entrevista para a CBS. Foto: ReproduçãoCapa da revista Sports Illutrated, que traz foto do pivô Jason Collins, que assumiu ser gay. Foto: Reprodução/Sports IllustratedDavid Testo (23) disse que seus colegas de time já sabiam que ele era homossexual. Foto: Getty ImagesMarcus Urban foi o primeiro jogador alemão de futebol que assumiu ser gay, em 2007. Ele atuou até o início dos anos 90. Foto: Divulgação


O pivô revelou que começou a pensar seriamente na idéia de assumir-se gay durante o locaute (greve dos donos das equipes) que ocorreu na liga em 2011. "O locaute causou muitas mudanças em minha rotina de vida e obrigou-me a refletir sobre quem eu realmente sou e o que de fato queria da vida", disse Collins à Sports Illustrated.

Leia também: LeBron James marca 30 pontos e Miami Heat faz 4 a 0 na série contra o Milwaukee Bucks

A revelação de Jason Collins motivou até mesmo uma declaração de David Stern, presidente da NBA. "Conhecemos a família Collins desde que Jason e Jarron [irmão do pivô] ingressaram para a liga em 2001. Jason tem sido um atleta exemplar e muito respeito por seus companheiros ao longo de todos estes anos. Estamos orgulhosos que ele tenha assumido a posição de liderança em uma questão tão importante como essa", disse o dirigente. 

Leia tudo sobre: NBAigayJason CollinsWashington Wizards

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas