Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google

Vilã no Brasil em Londres, Iziane acerta com o time dos EUA e retorna à WNBA

Com nove temporadas de experiência na liga estrangeira, ala tem médias de 10 pontos, 2,1 rebotes e 1,8 assistências por jogo

iG São Paulo |

Getty Images
Ala Iziane foi cortada às vésperas dos Jogos

Após defender o Maranhão na última edição da LBF (Liga de Basquete Feminino), a ala Iziane acertou seu retorno à WNBA (liga de basquete feminino dos Estados Unidos). Nesta segunda-feira, o Washington Mystics anunciou a contratação da jogadora brasileira de 30 anos através de seu site oficial.

Iziane fará sucesso em sua nova passagem pela WNBA? Opine!

Convocada pelo técnico Luiz Cláudio Tarallo para defender a seleção brasileira nos Jogos Olímpicos de Londres , Iziane foi cortada a poucos dias do início do torneio por levar seu namorado para dormir na concentração da equipe. Sem a ala, o time feminino venceu apenas uma partida no torneio britânico.

Com nove temporadas de experiência na WNBA, Iziane tem médias de 10 pontos, 2,1 rebotes e 1,8 assistências por jogo. Ela já passou por Miami Sol, Phoenix Mercury, Seattle Storm e Atlanta Dream - na última franquia, a atleta chegou a disputar a decisão do torneio.

O Washington Mystics, em sua 15ª temporada, pertence à Monumental Sports & Entertainment . O grupo também controla o Washington Wizards, time defendido pelo brasileiro Nenê na NBA (liga de basquete masculino dos EUA), além do ginásio Verizon Center e do Washington Capitals, equipe da NHL (liga de hóquei dos Estados Unidos e Canadá).

Leia tudo sobre: WNBABasqueteSeleção feminina de basqueteIziane

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG