Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google

Brasil fica em penúltimo lugar no Mundial Sub 17 feminino e EUA levam o título

Americanas derrotaram a Espanha na decisão e faturaram o troféu com 100% de aproveitamento. Já a seleção brasileira ficou em 11º lugar, com apenas duas vitórias

iG São Paulo * | - Atualizada às

Divulgação
Seleção americana comemora a conquista do título do Mundial Sub 17 feminino de basquete

Não anda boa a fase do basquete feminino brasileiro. Depois da eliminação precoce nas Olimpíadas de Londres 2012 , quando a seleção principal ganhou somente uma partida, o vexame voltou a se repetir, deste vez nas categorias de base. A seleção brasileira terminou em 11º e penúltimo lugar no Campeonato Mundial Sub 17, que foi disputado na Holanda e encerrado neste domingo. O título do torneio, encerrado neste domingo, ficou com a seleção dos Estados Unidos.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A situação torna-se ainda mais grave em virtude da aposta da CBB (Confederação Brasileira de Basquete), em particular da diretora de basquete feminino da entidade, Hortência Marcari, na renovação do elenco da seleção principal, já visando as próximas competições e tendo como objetivo principal conquistar uma medalha nas Olimpíadas do Rio 2016.

Veja também: Vitória brasileira sobre os EUA no Pan de 1987 completa 25 anos

No Mundial da Holanda, o time brasileiro, comandado pela técnica Janeth Arcain, campeã mundial e medalhista olímpica pela seleção, acumulou fracassos e encerrou sua participação na penúltima posição do torneio, em 11º lugar. No total, o time brasileiro obteve somente duas vitórias, as duas diante da Turquia, lanterninha do torneio.

Leia mais sobre basquete no blog do Fábio Sormani

O título do Mundial ficou com a seleção dos Estados Unidos, que na final venceu a Espanha por 75 a 62. O título veio com 100% de aproveitamento, já que as americanas conquistaram oito vitórias em oito jogos. A terceira colocação da competição ficou com o Canadá, que venceu o Japão por 84 a 77. 

* Com EFE

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG