Tamanho do texto

Atuando pelos Spurs desde 1997, o pivô de 36 anos disputou 15 temporadas e conquistou quatro vezes o título da NBA

Após o San Antonio Spurs ser derrotado por 4 a 2 pelo Oklahoma City Thunder na série final da Conferência Oeste da NBA, Tim Duncan não sabe qual será seu futuro na próxima temporada. Apesar de negar que a perda do título pode influenciar em sua decisão final, o ala/pivô, que se tornará agente livre em julho, afirmou que ainda não tem destino certo.

CONFIRA:  Thunder vence mais uma contra o Spurs e é finalista da NBA

Tim Duncan, pivô do San Antonio Spurs
Getty Images
Tim Duncan, pivô do San Antonio Spurs

"Descobrirei o que fazer quando o verão chegar. Nem sequer pensei nisso, e realmente não me importo. Vou descobrir isso quando as coisas acontecerem, assim como é com todo o resto", disse. "Não é isso que devemos analisar agora. Vamos pensar sobre a derrota diante do Thunder e descobrir meu futuro apenas quando for a hora certa.

O experiente, jogador, 36 anos, ainda negou que essa tenha sido, possivelmente, a última grande chance de conquistar um título da competição mais importante do basquete norte-americano ao lado de Manu Ginóbli e Tony Parker, que foram peças fundamentais nos títulos de 2003, 2005 e 2007. "Nunca duvidei de que teríamos capacidade e talento suficiente para fazermos mais algumas temporadas", encerrou.

Atuando pelos Spurs desde 1997, Duncan disputou 15 temporadas e conquistou quatro vezes o título da NBA (1999, 2003, 2005 e 2007). Além disso, o atleta participou com a seleção norte-americana dos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004, onde obteve a medalha de bronze.

    Leia tudo sobre: nba