iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Basquete

29/10 - 01:45, atualizada às 10:14 29/10

Varejão joga bem mas não evita derrota do Cavs para o Celtics

Cestinha do Cleveland foi o ala LeBron James, com 22 pontos; o pivô lituano Zydrunas Ilgauskas converteu outros 15

Gazeta Esportiva

Boston (EUA) - Atual campeão da NBA, o Boston Celtics teve de encarar um grande adversário já no início da empreitada rumo ao segundo título consecutivo. Responsável por abrir em casa a temporada 2008/09 da liga norte-americana, a equipe bateu o Cleveland Cavaliers por 90 a 85, em partida que ainda valeu pela entrega dos anéis aos comandados por Doc Rivers.

AP
Como se percebe pelas fotos, Varejão (à esquerda) teve trabalho com  Garnett


Na repetição da última semifinal da Conferência Leste, os Celtics precisaram sair de uma situação difícil no primeiro quarto, em que acabaram derrotados por 28 a 22, para se recuperar a partir do terceiro – a vitória por 24 a 13 deu a vantagem necessária e uma tranqüilidade maior para a reta final da partida.

Entre os destaques da equipe que mais vezes foi campeão na história da NBA, ninguém brilhou mais que Paul Pierce. Eleito o MVP (Jogador Mais Valioso) das finais da última temporada, o ala chegou até a chorar ao receber o anel referente ao título e correspondeu dentro de quadra com 27 pontos e quatro assistências.

Pierce, porém, foi o único elo do Big Three dos Celtics que atingiram seu melhor nível na noite desta terça-feira, visto que o armador Ray Allen só contriubuiu com oito pontos, número pouco inferior ao do ala-pivô Kevin Garnett, que anotou 11, além de seis rebotes.

Mantendo a base que em 2007/08 acabou com um jejum de 22 anos sem troféus, os Celtics perderam apenas reservas para a nova temporada: os veteranos PJ Brown e James Posey. Situação parecida é a vivida pelos Cavaliers, que por continuarem com praticamente o mesmo time continuam dependentes de LeBron James.

Nesta terça foi novamente isso o que se viu, com o campeão olímpico com os Estados Unidos em Pequim garantindo 22 tentos e sete rebotes para ser o melhor jogador dos visitantes. Único brasileiro em quadra, Anderson Varejão saiu do banco de reservas para agradar especialmente no garrafão, em que foi soberano em nove oportunidades – nove pontos completaram as estatísticas do pivô.


Leia mais sobre: Anderson Varejão Cleveland Cavaliers Boston Celtics

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Reuters

varejao

Que "sorte"...
O Cleveland, de Varejão, enfrentou logo o atual campeão da NBA no primeiro jogo da temporada

Topo
Contador de notícias