iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Basquete

06/07 - 18:35

Ginóbili corre risco de desfalcar Argentina em Pequim

Se jogador não se recuperar de lesão no tornozelo, pode ter que passar a outro atleta o posto de porta-bandeira nos Jogos

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Caso os exames que o argentino Manu Ginóbili fará nos próximos dias mostrem que a lesão em seu tornozelo esquerdo não melhorou, o jogador do San Antonio Spurs, da NBA, poderá desfalcar a seleção da Argentina na Olimpíada de Pequim.

De acordo com o jornal "Boston Globe", a equipe norte-americana que o argentino defende poderá impedi-lo de representar seu país nos Jogos, se não tiver ocorrido evolução no quadro da lesão.

Caso esta situação se confirme, o jogador se encontrará em um dilema. Ele tem contrato de US$ 10 milhões para as duas próximas temporadas com o Spurs, mas, ao mesmo tempo, garante que sonha em defender a Argentina nos Jogos Olímpicos.

De qualquer forma, resta a ele esperar para ver o que os exames acusarão. Emanuel 'Manu' Ginóbili foi o atleta escolhido para carregar a bandeira argentina na cerimônia de abertura da Olimpíada. Com 30 anos, ele conta com a experiência de ter comandado os argentinos na conquista do ouro em Atenas-2004.


Leia mais sobre: Manu Ginóbili seleção argentina de basquete Jogos Olímpicos de Pequim



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

Estará em Pequim?
Ginóbili é um dos destaques do Spurs e um dos principais nomes da forte seleção argentina

Topo
[x] fechar