iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Basquete

05/07 - 11:28

Precisando de ‘lavada’, Sampaio reconhece: “Final será difícil”
Embora tenha terminado a sexta-feira satisfeito com a vitória da seleção brasileira masculina de basquete por 94 a 84 sobre a Venezuela, o técnico Paulo Sampaio admitiu que será complicado para a equipe nacional ir à final do Campeonato Sul-americano. Isso porque, para se classificarem, os representantes nacionais precisam vencer o Uruguai neste sábado, às 21 horas (de Brasília) por uma diferença superior a 23 pontos.

Gazeta Esportiva

“Conseguimos mostrar nosso jogo contra a Venezuela, mudamos de atitude e pensamento e conseguimos trabalhar com inteligência”, destacou Sampaio, que vira o Brasil ser atropelado pela Argentina na quinta-feira por 102 a 68.

Por causa da enorme diferença de pontos, o time nacional possui três vitórias e uma derrota, mas saldo negativo de 15 pontos. Para se classificar à final de domingo, o Brasil terá que tirar a diferença em relação a uruguaios (líderes com quatro vitórias e 52 pontos positivos de saldo) ou argentinos (vice-líderes com três vitórias e uma derrota, mas saldo de 56 pontos).

“Para ganhar da Venezuela, conversamos com a equipe para elevar a auto-estima do grupo e funcionou, pois trabalhamos coletivamente tanto na defesa como no ataque. Agora, precisamos jogar ainda melhor contra o Uruguai para buscar a diferença de pontos e, quem sabe, fazer a final da competição. Sabemos que a classificação será difícil, mas não podemos desistir”, complementou.

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar