iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Basquete

16/06 - 01:14

Lakers reagem e forçam o sexto jogo
MVP da temporada regular, o armador Kobe Bryant já tinha avisado: os playoffs estavam longe de acabar, e o Los Angeles Lakers não decepcionou. Na noite deste domingo, a franquia da Califórnia adiou o sonho do Boston Celtics de conquistar o 17º título.

Gazeta Esportiva

Jogando no Staples Center, os Lakers venceram por 103 a 98 (43 a 39 no primeiro tempo) e forçaram o quinto jogo. Os Celtics terão mais uma oportunidade de fechar a melhor-de-sete nesta terça-feira, jogando em sua arena.

A exemplo do que aconteceu no jogo 4 da final com os Lakers, os Celtics protagonizaram uma reação emocionante. Só que desta vez, bem mais cedo.

Depois de vencer o primeiro quarto por 14 pontos, o técnico Phil Jackson resolveu arriscar ao extremo e tirou todos os titulares no início da segunda parcial. Era tudo que o Boston precisava para dar a volta por cima e fechar o período com apenas três pontos de desvantagem.

Os Lakers reagiram no terceiro quarto e não sem dificuldade restabeleceram a vantagem. Ainda assim, os Celtics protagonizaram outra reaçãono último período tirando oito de 12 pontos de diferença e chegando a ficar apenas um ponto atrás, mas a vitória ficou mesmo com os mandantes.

Bryant que havia passado em branco no segundo quarto e marcado apenas um ponto no terceiro foi personagem decisivo nos últimos minutos da partida. Com dois roubos de bola e uma enterrada a 37 segundos do final, deixou os Lakers com 99 a 95, selando a sobrevida da equipe na série.

Com este resultado a franquia californiana tenta passar para a história como a primeira a reverter uma desvantagem de 3 a 1 para faturar o título da temporada. Se conseguir, será campeã pela 15º vez, a primeira após o retonro de Phil Jackson ao comando do grupo e desde a saída de Shaquille O'Neal.

Paul Pierce foi o cestinha com 38 pontos, seis rebotes e oito assistências para os Celtics. Ray Allen marcou mais 16 pontos e Garnett, outros 13. Bryant foi o destaque dos Lakers com 25 pontos, sete rebotes e cinco roubos de bolas, auziliado por Lamar Odom com 20 pontos e 11 rebotes e Pau Gasol com 19 pontos e 13 rebotes.

O jogo - Com a pressão de lutar por três vitórias consecutivas, os Lakers abriram o jogo mostrando toda disposição. Combinando rapidez e muita força, abriram 5 a 0 e dominaram o quarto inicial chegando aos 5 minutos finais do período com 21 a 7.

Se foi anulado na fase final do jogo anterior, nesta noite Bryant quis dar o troco e não perdoou. Acertou quatro cestas de longa distância para colocar 12 pontos de dianteira nos Celtics (24 a 12). MVP da temporada regular, o armador foi o cestinha do quarto inicial com 15 pontos e os Lakers venceram a parcial por 39 a 22.

Na ida para o vestiário, o técnico Doc Rivers deixou clara a situação. Os Celtics precisavam controlar a pontuação dos adversários e ter melhor desempenho nos contra-ataques.

Os titulares ganharam um descanso no início do segundo quarto e o Boston aproveitou para descontar o marcador. Em menos de 3 minutos o placar já denunciava 43 a 32 para os donos da casa, mas com domínio completo dos visitantes nos primeiros minutos (10 a 4).

O destaque da reação foi o veterano Pierce, então com 13 pontos. O jeito foi o técnico Jackson retornar os titulares Pau Gasol, Bryant e Fisher.

Do outro lado, os Celtics perderam uma peça importante com a terceira falta cometida por Garnett. Mas com 15 pontos seguidos, a equipe alviverde abafava os Lakers e reduziu a diferença para apenas quatro pontos (43 a 39).

Foram quase 7 minutos sem os Lakers acertarem a cesta, até Lamar Odom desencantar para a equipe e o preço foi alto. Já com 21 pontos de Pierce, os Celtics foram para o intervalo do primeiro tempo com apenas três pontos de desvantagem.

Com os titulares anulados no período, coube a Odom tentar minimizar o prejuízo. Ele marcou 9 pontos no período (11 no total), mas sua equipe desceu para o vestiário com modestos 55 a 52 no marcador.

O empate veio aos 10min15 no terceiro período em 57 com a cesta de três de Allen. O Boston passou à frente pela primeira vez no jogo (58 a 57) com um lance livre convertido por Pierce.

Cesta e lance livre de Bryant e os Lakers reassumiram a ponta. Em 5 minutos, os donos da casa abriram 5 pontos (71 a 64), fechando com 79 a 70 a parcial mais equilibrada da partida.

As faltas castigaram as duas equipes no período. Os Lakers se complicavam com Bryant já acumulando quatro infrações e Pierce e Garnett, respectivamente, com três e quatro nos Celtics.

Cinco pontos seguidos e os Lakers abriram 12 de vantagem no primeiro minuto do último quarto (84 a 72), mas os Celtics não desanimaram. Engataram uma seqüência de 14 pontos contra 5 e encostaram em 92 a 91.

Com 3 minutos para o final, Garnett e Pierce ficaram pendurados com a quinta falta, mas seguiram em quadra. Mas não evitaram a derrota por 103 a 98, mesmo com uma cesta de três de House a 14 segundos .

Com participação discreta no segundo e terceiro quarto, Bryant ressurgiu no jogo na hora que a equipe mais precisou. Roubou duas bolas decisivas e marcou pontos fundamentais no resultado final para fechar como o cestinha da equipe com 25 pontos.

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar