Tamanho do texto

Piloto da Honda terá de pagar cinco mil euros por ter dado um soco no francês

Um entrevero entre dois pilotos deixou o clima quente ainda antes do Grande Prêmio da França da MotoGP. O pole position e vencedor, Casey Stoner, brigou com o francês Randy de Puniet, da LCR Honda, que impediu sua passagem em determinado momento, irritando o piloto da Honda. Ao se aproximar depois de ser fechado, o campeão mundial de 2007 acertou o rival com um soco no braço, e reclamou muito do adversário, sendo punido pela direção da prova a seguir.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Único piloto francês de todo o grid, De Puniet andava lento após uma curva, e Stoner vinha em alta velocidade logo atrás. O australiano tentou ultrapassar o piloto da LCR Honda pela direita, mas foi fechado e quase bateu no rival. Depois, o ultrapassou pelo lado esquerdo, parou ao seu lado e reclamou, acertando-o e seguindo em frente.

A direção da prova decidiu multar Stoner em cinco mil euros (R$ 11,510 mil) pelo incidente. Além disso, ele ainda teve que ouvir as vaias da torcida local pelo incidente com o único piloto francês da MotoGP.

Durante a prova, Stoner venceu após perder a primeira posição na largada para o companheiro de time, Dani Pedrosa. Depois de cair para segundo, Pedrosa perdeu a posição para o italiano Marco Simoncelli, em uma manobra onde foi ultrapassado ilegalmente, acertou a moto do rival, caiu e fraturou a clavícula direita.

Simoncelli, por sua vez, conseguiu se manter na segunda colocação, mas foi punido e precisou passar pelos boxes, ficando apenas em quinto. Após brigar incessantemente com Valentino Rossi, Andrea Dovizioso ficou com a segunda posição, e o terceiro foi o heptacampeão mundial, seguido de Jorge Lorenzo, da Yamaha.